• Home
  • Templo indiano ajuda a conservar espécie ameaçada de tartaruga

Templo indiano ajuda a conservar espécie ameaçada de tartaruga

0 comments

As tartarugas fizeram parte do primeiro grupo de répteis ainda vivos a aparecer em registros fósseis e, hoje, estão entre os grupos de animais vertebrados mais ameaçados de extinção.

Uma tartaruga nas mãos de um homem
Foto: The Hindu/YouTube

Existem 328 espécies de tartarugas presentes no mundo – metade está enfrentando a ameaça de extinção causada por fatores ambientais, perda de habitat, comércio e consumo humano. Também são vistas por alguns como animais domésticos e são exploradas como medicamentos chineses.

Na Índia, até hoje, 29 espécies de tartarugas foram registradas e 20 dessas podem ser encontradas em Assam – onde, infelizmente, 90% das tartarugas estão ameaçadas. Uma das espécies é a tartaruga bostami, que foi considerada oficialmente extinta na natureza em 2002. Dois anos depois, algumas foram encontradas em um lago no templo Hayagriva Madhav em Assam e, desde então, o guarda do templo conseguiu aumentar a população da espécie praticamente extinta.

Bancos de areia adequados foram criados no canto da lagoa, para aquecer e servir de ninhos para as tartarugas. O guarda, com o auxílio de ONGs locais, recolhe cuidadosamente os ovos postos pelas tartarugas e os transfere para incubadoras, onde têm mais chances de sobreviver.

A tartaruga bostami, que vive na água doce, está protegida pela lei indiana de proteção à vida selvagem. Infelizmente, apesar das leis rigorosas, a espécie é contrabandeada através de fronteiras indianas.

Em janeiro deste ano 16 filhotes de tartarugas bostami do templo foram realocados em um santuário da vida selvagem.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>