• Home
  • Fotos mostram a realidade de animais em circos da Indonésia

Fotos mostram a realidade de animais em circos da Indonésia

0 comments

O fotojornalista de meio ambiente Aaron Gekoski recentemente colaborou com a Born Free Foundation (Fundação Nascer Livre em tradução livre) para trazer mais luz aos shows viajantes de golfinhos na Indonésia. O resultado de sua viagem ao país foi uma série de fotografias documentando o dia a dia dos animais selvagens que vivem em cativeiro, que são usados para performar truques, e vivem no confinamento da piscinas de viagens e clausuras.

Apesar de aparentemente estar sob a permissão , o funcionamento do show viajante é um óbvio golpe para a real natureza e necessidade dos animais. O plano de fundo pode ser colorido e as performances elaboradas, mas é doloroso que os animais nas fotos estão completamente fora de lugar, e merecem uma vida melhor.

Golfinhos e outros animais usados nos circos viajantes, incluindo ursos-de-sol e lontras, são regularmente transportadas de uma localidade para outra ao redor do país. Gekoski descreveu enquanto compartilhava as fotos em um post do Facebook.

Animais fazendo malabarismos

Os golfinhos são transportados e  colocados em macas e cobertos de lubrificantes. Os animais tem que  ficar diversas vezes nessas situações desconfortáveis e estressantes, sofrendo extremo estresse.

No show, eles performam em piscinas rasas revestidas de plástico. As piscinas podem estar cheias de água salgada artificial com cloro, o que causa inúmeros problemas de saúde para os animais.

Na natureza, golfinhos podem viver até 40 anos. Para golfinhos explorados em circos, a duração de vida é drasticamente menor – em torno de cinco anos. Se nada mais, essa atordoante diferença deveria ser uma chamada de despertar para qualquer ser humano.

“Esses são animais excepcionalmente complexos e sensíveis, perfeitamente adaptados para a vida no oceano. É inacreditável que eles são arrastados feito lixo de lugar para lugar como parte de um lamentável show viajante, aparentemente sob a permissão das autoridades da Indonésia” disse Chris Draper, chefe da Animal Welfare & Captivity da Born Free Foundation.

“Nós estamos chamando o Governo da Indonésia para pôr um fim nisso de uma vez por todas, e trabalhar com grupos de proteção animal para achar uma solução a longo prazo para os  infelizes animais que foram sujeitos a esse abuso.”

Circos não são lugares para animais da natureza, e shows viajantes como esses, capturados nas fotografias adicionam ainda mais estresse e sofrimento para a realidade já sombria de uma vida no circo. Born Free Foundation está pedindo ajuda para lutar pelos animais explorados em circos viajantes na Indonésia. Você pode fazer isso assinando uma carta para o Governo da Indonésia, persuadindo as autoridades para pôr um fim dos shows viajantes.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>