• Home
  • Gato com quatro orelhas é resgatado da rua e ganha irmão gêmeo

Gato com quatro orelhas é resgatado da rua e ganha irmão gêmeo

0 comments

Um gato que, devido a uma mutação genética, nasceu com quatro orelhas, foi encontrado em uma casa na Austrália. O proprietário do local, comovido com a situação de abandono do animal, decidiu resgatá-lo. Meses depois, ele foi adotado e ganhou um irmão gêmeo em relação à questão genética – ele também tem dois pares de orelha.

Frankie (Foto: Reprodução / Instagram / @frank_n_kitten)

O gato era apenas um filhote quando foi resgatado e encaminhado para uma entidade de proteção animal. Na Geelong Animal Welfare Society (GAWS) foi descoberto que, além da mutação genética, o gato tinha problemas de saúde. Ele teve, inclusive, que ser submetido a uma cirurgia.

E foi no abrigo que Frankie, como passou a ser chamado, encontrou um novo lar, mas não através de feiras de adoção. Quem decidiu adotá-lo foi um funcionário da GAWS.

“Ele [o gatinho] tinha um olho muito infetado e danificado, assim como quatro orelhas”, disse Georgi, voluntário da GAWS, ao portal Love Meow. Após ser operado, o gato foi levado para a nova casa. “Cuidei de cerca de 80 gatos o ano passado e foi o primeiro que eu tive dificuldade em devolver. Então decidi adotá-lo”, afirmou.

A ação do abrigo em relação a este caso, no entanto, não se restringiu ao gato. Isso porque os funcionários passaram a procurar pela mãe do filhote, na intenção de castrá-la. Quando a encontraram, perceberam que ela estava grávida. Na sede da entidade, a gata deu à luz filhotes, sendo que um deles nasceu, assim como Frankie, com quatro orelhas.

Após o desmame, o irmão mais novo de Frankie também encontrou uma família para adotá-lo. “Demos-lhe o nome de Thorne. É adorável. É impossível descrever o quão meigo ele é”, contou a nova tutora, Liz Starcevic, que vive na cidade de Geelong.

Thorne e Frankie (Foto: Reprodução / Instagram / @frank_n_kitten)

A história dos irmãos, no entanto, não acaba na adoção. Isso porque, mesmo tendo sido adotados por famílias diferentes, eles puderam se rever, e a sintonia entre os dois foi imediata. Liz teve que fazer uma viagem que a deixaria longe da cidade onde mora por um tempo. Para garantir que Thorne seria bem tratado nesse período, ela o deixou sob os cuidados de Georgi, que aceitou o pedido imediatamente, animado com a ideia de juntar os irmãos.

“Estou espantado com alguns traços de personalidade que Thorne tem em comum com Frankie, que são únicas em relação a todos os outros gatos que conheci”, contou Georgi. “Produzem os mesmos sons estridentes que são as suas versões de miados. Os dois são tão doces e simples. Têm os mesmos comportamentos e atitudes em geral. Incrível”, completou.

Georgi acredita que os gatos têm a mesma mutação genética, porque além de terem quatro orelhas, “ambos são muito semelhantes com problemas nos olhos”. O que, inclusive, fez com que Thorne tivesse que ser submetido a uma cirurgia. “A cirurgia correu bem e ele não sentirá mais dor. Removeram-lhe o olho oposto ao de Frankie. Sinto que agora são gêmeos”, disse Georgi.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>