• Home
  • Cafeteria Starbucks eliminará todos os canudos de plástico de suas lojas até 2020

Cafeteria Starbucks eliminará todos os canudos de plástico de suas lojas até 2020

0 comments

A Starbucks anunciou recentemente que proibirá canudos de plástico descartáveis de suas mais de 28 mil lojas ao redor do mundo. O intuito é que até 2020 o projeto esteja finalizado. A decisão eliminará mais de um bilhão de canudos por ano, que serão substituídos por uma nova tampa – também feita de plástico, mas que pode ser reciclada.

Reprodução | Plant Based News

A nova tampa apresenta uma abertura do tamanho de uma impressão digital, e é descrita pela empresa como “uma versão mais limpa e menos rígida de uma tampa de café”. Atualmente, a loja já está substituindo os canudos em um pequeno número de bebidas, incluindo a Draft Nitro e a Cold Foam, em mais de oito mil lojas – até agora só nos EUA e no Canadá.

“A tampa se tornará padrão para todas as bebidas geladas, exceto Frappuccino, que será servido com um canudo feito de papel ou plástico compostável PLA fabricado a partir de amido fermentado ou outro material sustentável”, afirmou a empresa em posts nas redes sociais.

Reprodução | Plant Based News

“Os clientes que preferem ou precisam de um canudo podem pedir um de materiais alternativos para qualquer bebida gelada. No ano passado, em Santa Cruz, Califórnia, a Starbucks começou a testar palhinhas feitas de outros materiais que não o plástico tradicional. Agora está no meio. de testar canudos de papel em suas lojas no Reino Unido”, eles continuam.

Sobre a mudança, Chris Milne, diretor de embalagens da Starbucks, disse em entrevista ao portal LIVEKINDLY que “por natureza, o canudo não é reciclável e a tampa é, então sentimos que esta decisão é mais sustentável e mais socialmente responsável. A Starbucks está finalmente desenhando linha na areia e criando um modelo para outras grandes marcas possam seguir. Estamos elevando a linha de água para o que é aceitável e inspirando nossos pares a seguir o exemplo.”

“Esta medida é uma resposta aos nossos próprios parceiros sobre o que podemos fazer para reduzir a necessidade de canudos. Não usá-los é a melhor coisa que podemos fazer para o meio Ambiente”, completa Colleen Chapman, vice-presidente da Starbucks Global Social Impact, e supervisora ​​de sustentabilidade.

Essa decisão é um exemplo de como as empresas podem desempenhar papéis decisivos na contenção da poluição dos mares por plástico. Oito milhões de toneladas de plástico que entram no oceano todos os anos, e as indústrias precisam se esforçar para que esse número se reduza com o passar dos anos.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>