• Home
  • Cadela abandonada após separação de tutores é resgatada em Cuiabá (MT)

Cadela abandonada após separação de tutores é resgatada em Cuiabá (MT)

Cadelinha recém-adotada foi abandonada em uma casa após a separação de seus tutores.

0 comments

Apesar de nenhum casal gostar de pensar no fim do relacionamento, é muito importante saber o que vai acontecer com os animais da família caso os tutores se separem, pois as consequências não podem acabar sobrando para os animais.

Em Cuiabá, capital de Mato Grosso, uma cadelinha sem raça definida que tinha sido adotada há apenas três meses foi abandonada depois que seus tutores decidiram se separar.

Cadelinha recém-adotada foi abandonada em uma casa após a separação de seus tutores.
Cadelinha recém-adotada foi abandonada em uma casa após a separação de seus tutores. (Foto: Reprodução / G1 / Juarez Vidal)

O sargento da Polícia Militar Juarez Vidal, que é conhecido na região pelo seu trabalho de resgate de animais abandonados, soube do caso e foi até a cadelinha, na última terça-feira, dia 24 de abril, depois que um seguidor pediu ajuda para o animal através das redes sociais do policial.

O sargento contou em entrevista ao G1 que, após a separação do casal, a cadelinha foi levada pelo homem para uma casa. Neste local, a cadela ficou completamente abandonada por cerca de 30 dias.

Ainda de acordo com Juarez Vidal, o homem que o informou sobre o caso disse que retirou a cadela da casa abandonada e a levou para a sua residência. Porém, ele precisava de ajuda, pois não tinha condições financeiras de cuidar do animal, que estava extremamente magro e com muitos machucados.

O homem disse ainda que alguns vizinhos estavam fazendo uma campanha nas redes sociais para encontrar uma nova família para a peludinha.

Ela foi encontrada extremamente magra e debilitada.
Ela foi encontrada extremamente magra e debilitada. (Foto: Reprodução / G1 / Juarez Vidal)

“Quando cheguei ao local, vi que ela estava muito ferida, imediatamente a levei para uma clínica para realizar os devidos tratamentos”, disse o sargento Juarez Vidal.

Na clínica, a cadela passou por exames que detectaram que ela estava com a doença do carrapato e com baixa imunidade. Ela ficou uns dias internada e irá continuar seu tratamento em casa.

Chuva, nome que a cadelinha recebeu, já foi adotada antes mesmo de receber alta médica.

Fonte: G1

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>