• Home
  • Filhote de gato é resgatado com perna mutilada em Pato Branco (PR)

Filhote de gato é resgatado com perna mutilada em Pato Branco (PR)

0 comments

Um filhote de gato abandonado foi encontrado por duas mulheres nas proximidades do campus de Pato Branco, no Paraná, da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTPFR). Com aproximadamente dois meses de vida, o filhote estava gravemente ferido.

Filhote foi encontrado gravemente ferido “(Foto: Arquivo pessoal)

“Ele estava ao lado da BR, no mato, onde Bruna Eloiza Ferreira e Alcione Zarpelon o encontraram. O gato estava com a perna lacerada, sem marcas de atropelamento ou mordida; possivelmente foi mutilado de alguma forma e jogado ali”, descreveu Charles Hübner, um dos voluntários que fez parte do resgate do filhote. “Logo atrás, vinha Carla Giovanna, que levou o gato para casa, até que fosse acionado o veterinário. Bruna falou comigo, que entrei em contato com uma clínica parceira, onde foi deixado o gato com a plantonista”, completou.

Ulf, como passou a ser chamado, foi medicado e, depois, submetido a uma cirurgia. Segundo Hübner, o gato “já estava com bichos no membro cortado. Após isso, ele passou por uma cirurgia para retirada do restante do fêmur lacerado”. Depois de receber alta, o animal foi levado para um lar temporário, onde está recebendo cuidados. As informações são do portal Diário do Sudoeste.

Uma campanha de arrecadação de fundos foi feita por Hübner para pagar o tratamento do gato, que inicialmente foi orçado em R$ 1,6 mil e, depois, com o desconto oferecido pela clínica veterinária, em R$ 1 mil. “Como atingimos o objetivo, agradecemos a todos que nos ajudaram. Ele ainda precisará de medicamentos, mas a Roots Veggie se comprometeu em pagar, caso haja mais algum custo”, afirmou.

O ativista afirma que é preciso que a sociedade se conscientize sobre os direitos animais e os abusos sofridos por eles. “Gostaria, inclusive, que a pessoa que fez essa crueldade soubesse que ainda há esperança na humanidade, que podemos juntos fazer a diferença”, concluiu Hübner.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>