• Home
  • Institutos de Saúde dos EUA investem em tecnologia para substituir testes em animais

Institutos de Saúde dos EUA investem em tecnologia para substituir testes em animais

0 comments

Cientistas da organização de saúde sem fins lucrativos Physicians Committee for Responsible Medicine (PCRM) ajudaram na mudança e desenvolveram o novo método do NIH para adaptar os testes de toxicidade de maneiras relevantes e mais benéficas à saúde humana.

Foto: Livekindly

 

O novo roteiro proporciona um caminho direto para proteger milhões de vidas humanas e animais, disse a vice-presidente de políticas de pesquisa da organização, Kristie Sullivan, M.P.H, em um comunicado.

“Isso ajudará a substituir os testes em animais, que podem deixar de prever se um medicamento ou produto químico é nocivo, com órgãos em chips e outros métodos relevantes para o homem”, disse.

Segundo o PCRM, o plano, denominado “Um roteiro estratégico para estabelecer novas abordagens para verificar a segurança de produtos químicos e produtos Médicos nos Estados Unidos”, foi desenvolvido pelo Interagency Coordinating Committee on the Validation of Alternative Methods (ICCVAM).

O ICCVAM possui representantes de 16 agências federais que facilitam a criação de métodos de testes toxicológicos que diminuem e substituem os animais.

Em Maio de 2017, a especialista em políticas científicas da PCRM, Elizabeth Baker, participou do fórum público anual da ICCVAM. Ela contribuiu com o novo plano e o enviou por escrito antes da reunião anual.

No lugar dos animais, deverão ser aplicadas novas tecnologias, incluindo modelos computacionais e chips de tecido, informa o Livekindly.

O roteiro também funciona como uma estrutura para a união de agências e estímulo de financiamento e desenvolvimento de novos métodos de teste sem animais para promover a ética e a modernidade no campo científico. Sullivan disse que o PCRM está “satisfeito” de observar as agências federais se unirem para trabalhar com o propósito comum de realizar testes sem animais.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>