• Home
  • Homem foi preso na época da ditadura por ser vegetariano

Homem foi preso na época da ditadura por ser vegetariano

0 comments

Tempos de intolerância não são fáceis. Os estilos de vida que não seguem o padrão acabam sendo perseguidos e oprimidos. Não foi diferente com Hernán López. Simplesmente por ser vegetariano.

Hernán López foi preso por ser vegetariano (Foto: Kevin Johnston/Creative Commons)

Na época da ditadura, ele foi perseguido e virou preso político na província de Santa Fé, no interior da Argentina. Sem acusação, levou algum tempo para descobrir que “os argentinos têm muito orgulho de sua pecuária”.

Para ser libertado, ele – contra sua vontade – precisou comer um pedaço de bife. Depois disso, seguiu para os Estados Unidos, buscando o sonho americano da completa liberdade de pensamento e expressão.

Toda esta história pode ser encontrada no livro jornalístico, baseado em fatos reais, “O Exilado Político Vegetariano”, de Alexandre Kostolias. Com a prosa leve e divertida, o escritor atravessa as décadas de 1970 a 1990 abordando sobre tolerância, liberdade e hipocrisia.

Hoje, não só o vegetariano, mas diversos outros modos de vida são vistos com naturalidade, mas houve uma luta por trás disso.

Fonte: The Greenest Post

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>