• Home
  • Documentário expõe a barbárie da caça de animais selvagens na África

Documentário expõe a barbárie da caça de animais selvagens na África

0 comments

O documentário, produzido pelo ator Tom Hardy, segue Glass enquanto ele paga para caçar os “cinco grandes” –  um elefante,  um búfalo, um leão, um leopardo e um rinoceronte – e agradece a Deus por conceder o “domínio dos seres humanos sobre os animais”.

Foto: The Orchard Movies

O filme foi lançado quando o presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou que permitiria que os caçadores – como seus filhos Donald Jr e Eric – levassem troféus de elefantes mortos para a América novamente. O novo regulamento da Casa Branca revertia uma proibição da era de Obama de “troféus” de elefantes do Zimbábue e da Zâmbia. A decisão foi suspensa após Trump despertar comoção internacional.

Foto: The Orchard Movies

Em “Trophy”, um caçador é visto atirando em um crocodilo. Mais tarde, depois de atirar em um gnu, o homem beija uma mulher em cima do cadáver do animal.

O documentário, realizado por Shaul Schwarz e Christina Clusiau, também proporciona um vislumbre da maior convenção mundial para caçadores em Las Vegas, nos EUA.

No local, as pessoas alegam que a única forma de proteger a vida selvagem é permitir que os animais sejam mortos por caçadores ricos, o que, além de ser extremamente cruel e impiedoso, não faz sentido algum.

Foto: Hunting Legends

De acordo com o Daily Mail, as vidas de animais majestosos que vivem no Sul da África são vendidas por dezenas e, às vezes, centenas de milhares de dólares.

Christo Gomes, que gerencia o Mabula Pro Safaris, na África do Sul, oferece aos caçadores a chance de matar – e levar para casa – qualquer grande animal africano por um custo entre US$ 25 mil e US $ 100 mil.

Foto: The Orchard Movies

Gomes diz aos clientes que eles podem “escolher os animais em que você quer atirar”, permitindo que eles escolham o tamanho e o sexo das presas.

Ele afirma que cerca de 70% do seu negócio provém dos EUA. A África Austral possui apenas 20 mil rinocerontes brancos e 20 mil leões.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>