• Home
  • Cão condenado à morte é salvo após recuperar a confiança nas pessoas

Cão condenado à morte é salvo após recuperar a confiança nas pessoas

0 comments

Um cachorro vivia preso em um abrigo no Sul da África e estava condenado à morte por não ser sociável e não permitir que outros animais e até mesmo humanos se aproximassem dele. Porém, após algum tempo investido em Cerberus, como passou a ser chamado, sua nova tutora foi capaz de provar que o amor o salvaria.

Cerberus quando ainda vivia na África (Foto: Reprodução / YouTube)

Cerberus era um cão traumatizado pelos maus-tratos sofridos no passado. Sua tutora, quando o conheceu, afirmou que ele via mãos como armas e por isso não permitia que o tocassem.

Após um período de adaptação, o cão deixou que a moça entrasse no canil em que ele vivia e, seis dias depois, aceitou os carinhos dela. Foi então que ele foi levado até a SPCA, entidade de proteção animal da Inglaterra e, de lá, foi viver na casa de sua tutora.

Atualmente, o cão que não aceitava conviver com outros animais, aceitou como irmão Charlie, um filhote de cachorro que agora também faz parte da família.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>