• Home
  • Tigre explorado pelo circo Ringling Bros. é brutalmente morto

Tigre explorado pelo circo Ringling Bros. é brutalmente morto

0 comments

Tigresa foi assassinada pela polícia. Crédito: worldanimalnews.com
Tigresa foi assassinada pela polícia. Crédito: worldanimalnews.com

Suzy, uma tigresa de 6 anos de idade, que era explorada pelo circo Ringling Bros., foi covardemente assassinada, em Atlanta, na Georgia (EUA).

Ela estava sendo transferida para o Tennessee com outros 13 tigres quando escapou do caminhão que a transportava e entrou em um bairro residencial.

“Nós paramos em Atlanta para dar comida e água aos tigres, e para que o motorista descansasse um pouco. Acreditamos que foi neste momento que ela escapou”, disse Stephen Payne, porta-voz da Feld Entertainment, a empresa contratada para transportar os tigres.

A polícia foi acionada, e especialistas em situações de emergência com animais também foram contatados, mas, antes que pudessem chegar, a polícia atirou contra a tigresa.

Este fim terrível da vida curta de Suzy deixou defensores dos direitos animais indignados.

“Este incidente infelizmente ilustra o risco e o sofrimento provocados ​​pela exploração de animais para o entretenimento humano. Tigres não são brinquedos e nem artistas: eles são animais selvagens com necessidades específicas”, afirmou Elizabeth Hogan, gerente de campanha da World Animal Protection.

“O uso de animais selvagens para o entretenimento causa imenso sofrimento a eles, desde o momento que são arrancados da natureza, até o momento que morrem em cativeiro,” continuou ela.

A organização PETA também se pronunciou sobre o caso: “Este não é o primeiro felino do Ringling Bros. que morreu tragicamente. Outro tigre foi baleado dentro de uma gaiola e um leão morreu de desidratação em um vagão de carga. A PETA acredita que o caso de Suzy não será o último”, afirmou a vice-presidente da PETA Delcianna Winders.

“Devido a esta tragédia, pedimos ao governo federal que revogue a permissão da empresa de transportar os outros 13 felinos.”

Os tigres estão sendo levados ao Tennesse para serem transferidos para um circo na Alemanha. A PETA e vários outros grupos defensores dos direitos animais criticam esta decisão e exigem que os animais sejam libertados e levados para santuários de animais onde não serão forçados a se apresentarem.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>