• Home
  • Mulher que resgatou mais de 100 animais na Cracolândia corre risco de despejo

Mulher que resgatou mais de 100 animais na Cracolândia corre risco de despejo

0 comments

A paraibana Maria das Graças Bernardino, mais conhecida como Dona Graça, abrigou em sua pensão os animais abandonados na Cracolândia, na Região Central de São Paulo.

Aos 57 anos, Dona Graça conta que mora no local há 15 anos e acompanhou de perto a degradação do local. Ela conta que resgata animais das ruas desde 2014 e já chegou a cuidar de mais de 100 cães e gatos em sua casa. Mas agora, por conta da situação irregular do terreno onde vive, ela apela para a adoção dos animais.

A protetora ajuda animais abandonados
Dona Graça resgata e abriga animais da Cracolândia (Foto: Edilson Dantas / O Globo)

“Não sei o que fazer da vida. Vou para onde com esses cachorros?” indaga Graça, preocupada.

Até ocorrer a operação policial em maio deste ano, a Dona Graça conseguia pagar suas contas e bancar sua neta de 17 anos com os R$ 600 mensais que recebia do aluguel dos quartos da sua pensão.

Ela é conhecida na região por ajudar os usuários de drogas, distribuindo cobertores e comida. Com isso, ela se tornou uma referência, pois sempre que os moradores não tinham mais condições de cuidar dos seus cães e gatos, os deixavam no portão de Dona Graça e sabiam que os cães e gatos seriam bem cuidados.

Dona Graça segura cão no colo com casa cheia de animais
A benfeitora pede ajuda para poder cuidar dos animais resgatados (Foto: Edilson Dantas / O Globo)

“Os viciados pegam os cachorros, mas quando ficam doentes eles deixam aqui e não voltam para pegar. E fui ficando, até que me vi nessa situação”, comenta Graça.

Apelo

Após a operação na Cracolândia, Dona Graça foi impedida de continuar alugando os quartos da pensão. Hoje ela vive com o pouco que conseguiu juntar durante sua vida e tenta resgatar sozinha os cães e gatos abandonados após a ação policial. Os gatos com os animais são de aproximadamente R$ 450 por mês, e são divididos entre ela, a neta, uma amiga e alguns voluntários que se sensibilizaram com a causa.

“Pedi ajuda à prefeitura para resgatar os animais, mas só ofereceram castração. Nesta semana estou levando cinco para operar”, fala. “Preciso agora de ração para os gatos. Está pela metade”, comenta Graça, preocupada.

Cão resgatado por Dona Graça, olhando para a câmera
Usuário de drogas abandonaram diversos animais na porta da pensão (Foto: Edilson Dantas / O Globo)

A história de boa ação de Dona Graça se tornou notícias em diversos noticiários nacionais e foi compartilhada por internautas. Após isso, uma das ONGs que ajuda Graça, resgatou 71 cães e gatos da pensão. No mês passado, o Instituto Luisa Mell levou os animais para um abrigo de Ribeirão Pires, na Região metropolitana, e pretende disponibilizar os animais para adoção.

Os outros animais que restaram, cerca de 20 cães e gatos, permanecem sob os cuidados de Dona Graça e recebem ajuda da instituição que doa vacinas e comida todo mês. “Nossa missão é ajudar os animais”, afirma Graça.

 

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>