• Home
  • Casal troca lista de presentes de casamento por ajuda a canil em Cabo Frio (RJ)

Casal troca lista de presentes de casamento por ajuda a canil em Cabo Frio (RJ)

0 comments

Casal troca presentes de casamento por doações para o canil municipal
Canil municipal passa por dificuldades financeiras | Foto: Reprodução G1

Ao invés de ganharem presentes para começarem uma nova vida a dois, um casal de Cabo Frio, no Rio de Janeiro, decidiu arrecadar produtos de limpeza, ração e remédios para um abrigo de animais que passava por dificuldades.

Amanda Pereira e Vanessa Araújo tiveram a ideia depois de verem uma postagem da instituição pedindo ajuda nas redes sociais. Na festa de casamento, amigos e parentes foram convidados a contribuir com alguma quantia em dinheiro. Todo o valor arrecadado foi revertido para o abrigo. Segundo elas, foram doados cerca de R$ 800.

Amanda conta que alguns convidados ficaram chocados com a atitude. “Os convidados se sentiram a vontade de ir lá e ajudar. Alguns se espantaram, mas outros como já conhecem a gente e sabem do nosso amor pelos animais, acharam bom, adoraram a ideia, e nos ajudaram”.

De acordo com Vanessa de Araújo, a ideia da ajuda ao canil foi toda explicada no site do casamento. “A gente explicou tudo ‘bonitinho’ no nosso site, um site que a gente criou, contando o relato de como a gente chegou nessa ideia de doações. Nós já moramos juntas há um tempo, já temos uma casa. E, assim, a gente não precisa de nada para casa. Então por que não aproveitar essa oportunidade para fazer essa doação e inspirar outras pessoas?”

O canil municipal de Cabo Frio tem 90 animais, entre cães e gatos. 40 deles são mantidos além da capacidade do espaço. Segundo a superintendência de proteção aos animais, Carol Midore, a Prefeitura da cidade ajuda com a ração e o pagamento dos funcionários. Entretanto, informou que o abrigo não tem verba própria.

“O objetivo principal é conseguir a castração popular, a castração gratuita em comunidades carentes e em animais abandonados. A nossa intenção é contar com apoio da população, alimentá-los, cuidá-los, não maltratá-los, não atropelá-los, conviver em harmonia”, disse Carol Midore.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>