• Home
  • Mudanças climáticas podem impactar maior cachoeira do mundo

Mudanças climáticas podem impactar maior cachoeira do mundo

Catarata da Dinanarca

0 comments

A água não cai sobre um penhasco, mas é uma cachoeira exatamente igual: em vez de cair sobre a rocha, a água cai sobre outras águas

Catarata da Dinanarca
Foto: Getty Images

Esta queda subaquática da água é a Catarata da Dinamarca. A água fria que originária do Sul da Groenlândia chega à água quente do Norte da Islândia. No local de encontro entre ambas, a massa fria cai 11.500 pés diretamente em uma enorme queda que diminui qualquer cachoeira na terra.

A catarata flui a um ritmo surpreendente de 175 milhões de pés cúbicos por segundo, quase 200 vezes maior do que a Inga Falls, em Congo River. É um dos maiores e mais poderosos eventos da Terra. Sua importância ultrapassa sua escala. Bilhões de organismos marinhos dependem de correntes verticais como a Catarata da Dinamarca.

As células de convecção nas águas profundas do oceano são conduzidas por diferenças de densidade e salinidade. A água fria e salgada é mais densa do que a água quente que contém menos sal, segundo o Nature World News.

A corrente do oceano profundo, seus redemoinhos e cataratas, também são a base para a sobrevivência das populações de peixes.

As cataratas também podem ocorrer em águas mais quentes. Uma equipe de Barcelona estudou uma no Mediterrâneo em 2008. Eles coletaram informações do Golfo de Leon no Sul da França.

Os pesquisadores descobriram algo preocupante. Eles monitoraram uma catarata, que parece estar diminuindo ao longo do tempo. Especula-se que as mudanças climáticas possam impactar a corrente marítima profunda que é fundamental para os animais e o barômetro da saúde do planeta.

About the Author

Follow me


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>