• Home
  • No Espírito Santo, proprietárias de canil clandestino confessam crimes

No Espírito Santo, proprietárias de canil clandestino confessam crimes

0 comments

Por Janaína Fernandes | Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Deputada pede fechamento de canil | Foto: Divulgação/ Assembleia Legislativa

O caso de maus-tratos a animais envolvendo duas mulheres que realizavam procedimentos ilegais no canil Blue Point, foi discutido na Comissão Parlamentar de Inquérito dos Maus-Tratos aos Animais da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (ES).

A CPI dos Maus-Tratos a Animais, que procura apurar denúncias de violência, abandono, desleixo nos Centros de Controle de Zoonoses e a não alimentação de animais (também considerada como maus-tratos), ouviu as duas criminosas que anteriormente foram encaminhadas para a Delegacia de Meio Ambiente e Patrimônio Cultural.

Responsáveis por um cão da raça Spitz Alemão, as duas mulheres que não possuem formação em medicina veterinária, filmavam a realização de cirurgias clandestinas em animais do canil, o que fez com que fossem descobertas. Como não houve flagrante, elas assinaram um Termo Circunstanciado e foram liberadas.

No depoimento, Nicole Pressotti admitiu que o canil não possui licença para funcionar, segundo a assessoria da deputada estadual Janete Sá, que preside a CPI: “A tutora Nicole Presotti admitiu que o canil, que funciona há 15 anos no bairro Retiro do Congo, em Vila Velha não possui licença para funcionar. Ela negou que as cirurgias, que tiveram os vídeos divulgados na internet, foram feitas no canil, que segundo ela não possui médico veterinário responsável pelos cães”, afirmou em nota.

Ao mesmo tempo, a outra responsável, Letícia Oliveira, que também não possui formação veterinária, afirmou que as cirurgias eram realizadas no canil e que também havia participado de procedimentos cirúrgicos. De acordo com ela, nos vídeos divulgados na internet, ela era orientada por uma veterinária durante a cirurgia. A identidade da profissional não foi revelada.

A deputada Janete Sá vai pedir o fechamento do canil. “Nós constatamos nos depoimentos diversas irregularidades no canil e não podemos permitir que os animais sejam submetidos a maus-tratos por isso estou propondo o fechamento do canil, que é clandestino, e a tutela antecipada dos animais para que eles sejam colocados para adoção”, disse.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>