• Home
  • Em Macapá (AP), animais abandonados poderão se alimentar em comedouros públicos

Em Macapá (AP), animais abandonados poderão se alimentar em comedouros públicos

0 comments

Por Janaína Fernandes | Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Bairros de Macapá ganham 15 comedouros públicos | Foto: Fabiana Figueiredo/G1

Cães e gatos abandonados, poderão se alimentar em diversos pontos espalhados nos bairros de Macapá (AP). Com estruturas feitas de cano PVC, os quinze comedouros surgiram com o objetivo de diminuir o número de animais que passam fome nas ruas, ou que têm problemas intestinais.

As instalações dos comedouros foram feitas nos bairros de Buritizal, Jesus de Nazaré, Nova Esperança e Zerão, bairros onde animais abandonados circulam com mais frequência. O vereador ativista da causa animal, Victor Hugo Fernandes, também idealizador da iniciativa, afirma que a intenção é instalar pelo menos 50 comedouros públicos para uma fase de testes: “Esses comedouros foram instalados inicialmente em casa de amigos que ajudam na proteção animal. Já tivemos mais de 60 requisições de pessoas que querem os comedouros em frente as suas casas. Elas se comprometeram em contribuir com a ração, mantendo limpo e cuidando do comedouro”, falou Fernandes.

As rações selecionadas para gatos, estão localizadas em estruturas estrategicamente pensadas, onde os felinos costumam passar. Já para os cães, os comedouros estão instalados um pouco mais altos para os gatos não terem acesso.

Aldair, morador do bairro Jesus de Nazaré, contribuirá com a causa | Foto: Fabiana Figueiredo/G1

O morador do bairro Jesus de Nazaré, DJ Aldair Coelho, de 36 anos, afirma que um comedouro foi instalado em frente a sua casa. Segundo ele, pelo fato de serem muitos animais abandonados, sempre que pode, tenta ajudar: “Aqui tem muito cachorro, muito mesmo. Mais de 30, pelo menos. A gente dá uma força então nisso, e ajuda como pode. Eu vi que era uma necessidade aqui no bairro porque tem muito cachorro passando fome, gatos também, que precisam de um olhar diferente”, contou Aldair.

O projeto, de acordo com o vereador, além de evitar a poluição das ruas, também busca promover a castração gratuita de cães e gatos: “Muitos animais morrem de fome, acabam rasgando sacos de lixo, espalhando lixo atrás de comida. Isso é até uma questão de saúde pública, porque reviram lixo, atraindo a população de roedores. Os comedouros já são realidade em vários estados e é algo para dar condições a esses animais de sobreviverem, enquanto não podemos resgatar e nem fazer a castração de todos”, informou Fernandes. Para instalar os 15 comedouros públicos, foram gastos cerca de R$2,9 mil. O dinheiro foi adquirido com o salário dele, garantiu Victor.

 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>