• Home
  • Protetores comemoram oito carnavais sem o uso de animais e carroças na Mudança do Garcia

Protetores comemoram oito carnavais sem o uso de animais e carroças na Mudança do Garcia

0 comments

Divulgação

A Mudança do Garcia, tradicional desfile de blocos populares que acontece todas as segundas-feiras de carnaval em Salvador, tem sido mais um exemplo de que a tradição pode sobreviver ao lado da vanguarda. Este ano, protetores de animais comemoraram oito anos sem o uso de cavalos e jegues no desfile.

A responsável pela quebra de paradigma foi a vereadora e ativista Ana Rita Tavares (PMB). Como na Lavagem do Bonfim, ela interrompeu a prática do uso de carroças em curso há 122 anos ao conseguir sensibilizar os organizadores da Mudança a reinventar a logística dos pequenos blocos e mini trios. “Vale toda a forma de tração para conduzir os blocos e alegorias, só não vale usar os jegues, que não pediram para estar na festa. Sabemos que eles são sensíveis ao som alto e ao piso duro e irregular da zona urbana, inapropriado para seus cascos. Além de sofrerem toda a forma de maltrato, que sofre das pessoas ao longo do percurso”, justifica a parlamentar.

Divulgação

Ana Rita caminhou até o Campo Grande com um grupo de protetores de animais, reunidos por ela, ao som de uma banda de fanfarra. A União de Entidades Protetoras dos Animais da Bahia (Unimais), as ONGs Terra Verde Viva e Cuidar é o Bicho, além da Empresa Salvador Turismo (Saltur) apoiaram a manifestação.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>