• Home
  • Corrida de touros retorna à cidade Indiana e aterroriza animais

Corrida de touros retorna à cidade Indiana e aterroriza animais

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Reprodução, South Morning China Post

O Jallikattu, uma espécie de corrida de touros, infelizmente voltou à cidade de Tamil Nadu (Índia). O ritual profundamente religioso foi proibido por dois anos depois que a Suprema Corte da Índia atestou sua crueldade.

Porém, a prática retornou depois de dezenas de milhares de pessoas protestarem por semanas e forçaram o governo a aprovarem uma nova legislação que a isenta das leis de crueldade animal.Com esta decisão retrógrada, os maus-tratos de animais voltaram a Alanganallur no distrito de Madurai, uma das áreas mais conhecidas na execução dessa covardia.

Inicialmente, os touros dos templos locais são decorados com flores. Eles andam no meio das multidões e ninguém está autorizado a tentar dominá-los.

Depois, começa a corrida. Até o final do dia, centenas de touros são soltos no meio das multidões desenfreadamente entusiasmadas e as pessoas tentam agarrá-los por suas corcundas e se pendurarem sobre os animais aterrorizados, sacudindo-os por pelo menos 100 metros.

Foto: Reprodução, South Morning China Post

Um por um, os touros são conduzidos para uma arena e correm enquanto espectadores torcem e comentários são transmitidos.
Claramente, os animais estão muito perturbados. Alguns touros estão limpos, outros mais caóticos como quando um touro correu de volta para o recinto em que estava. Alguns desafiam os domadores e tentam lutar para escapar.

Se os domadores puderem controlar o animal aborrecido e em pânico, eles ganham. Se um touro não puder ser domado, os prêmios, que incluem desde panelas e frigideiras a TVs de tela plana e carros pequenos, irão para o responsável pelo animal.

Ativistas pelos direitos animais pediram aos tribunais uma proibição do evento e revelaram que os touros abusados no Jallikattu têm pó picante esfregado em seus olhos e seus rabos quebrados enquanto os domadores tentam montá-los. Porém, lamentavelmente, o Jallikattu continua, informou o South China Morning Post.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>