• Home
  • Quirguistão: rinha de cachorros ainda é uma triste realidade no país que não respeita os direitos animais

Quirguistão: rinha de cachorros ainda é uma triste realidade no país que não respeita os direitos animais

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Fotos tiradas no Quirguistão mostram a barbaridade das rinhas de cachorro realizadas por um clube de criadores do país. O evento na capital Bishkek tinha como objetivo encontrar o cachorro mais adequado para se reproduzir com o Pastor Asiático.

Foto: Reprodução/ www.dailymail.co.uk

Dezessete pessoas trouxeram seus cães para “batalhar” pelo título de “campeão” da raça. Enquanto os animais sangravam e sofriam no ringue, o público tirava fotos e parecia se divertir com a situação.

Foto: Reprodução/ www.dailymail.co.uk

Cenas como essas são comuns em países que ainda não têm leis contra a crueldade animal. As rinhas de cachorro também são muito populares na China.

Foto: Reprodução/ www.dailymail.co.uk

Os circos aquáticos viajantes também têm passe livre no país do ex-bloco soviético, apesar de serem proibidos na maior parte dos países.

Foto: Reprodução/ www.dailymail.co.uk

A falta de consciência em relação a vida animal ainda é tão grande no Quirguistão que em 2011 as autoridades de Bishkek anunciaram um plano de matar a tiros 10 mil cães de rua. A decisão provocou clamor internacional e centenas de petições. O governo alegava que a tática assassina seria menos custosa do que organizar um programa para abrigar e esterilizar os cães.

 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>