• Home
  • Cadela "dada como presente" é abandonada após término de namoro

Cadela "dada como presente" é abandonada após término de namoro

0 comments

Foto: Charity Today News

Hoje em dia, ainda muitas pessoas continuam comprando animais domésticos. Sabia que os abrigos de animais e canis muitas vezes estão sobrelotados? Sabia que essas casas de acolhimento de animais têm todo o tipo de raças? Com ou sem raça, todos os cães e gatos merecem uma casa e uma família que os ame.

Comprar animais é cruel! Isso alimenta a indústria de criação de animais, em que as fêmeas são usadas única e exclusivamente para reproduzir e muitas vezes acabam morrendo de tanto sofrimento.

Prova disso é a história de uma jovem que vive em Londres e que decidiu comprar um cachorrinho de presente para seu namorado. Ao terminar o namoro, o rapaz não queria mais guardar lembranças da relação. Foi então que ele se dirigiu ao abrigo The Home Mayhew, para se livrar do animal de apenas 3 meses de vida.

Os funcionários da instituição pediram ao jovem que reconsiderasse sua decisão, já que o abrigo estava sobrecarregado por uma onda de animais indesejados, logo depois do Natal. O rapaz parece ter considerado as palavras e foi embora.

Ao sair para a rua, o jovem tentou vender o cão às pessoas que passavam por ali naquele momento. Esse ato não podia passar despercebido e os funcionários do Mayhew decidiram ficar com o filhote de imediato, embora o espaço já estivesse muito condicionado.

“É completamente irresponsável vender um cachorro nas ruas”, disse Zoe Edwards, responsável do bem-estar animal do Mayhew, “mas infelizmente vemos esse tipo de situação com demasiada frequência”.

Os términos de namoro, são uma causa bastante frequente, para que as pessoas abandonem seus cães. Em 2016 o Mayhew recebeu 26 cachorrinhos, que perderam seu tutores por causa de separações conjugais.

“Este é um exemplo do impacto que os tutores irresponsáveis ​​têm no nosso centro de resgate”, acrescentou Edwards. “Quando os tutores largam os patudos perfeitamente saudáveis e que não precisariam de ajuda, isso significa que não podemos resgatar cachorros e gatos que estão em necessidade urgente.”

Uma mulher Trina Harris apaixonou-se pelo bebê e o nomeou Pippa. “Ela é uma cachorrinha divertida, amorosa, animada e brincalhona.” Ela instalou-se na sua nova casa muito bem”, disse Harris.

Edwars fez um apelo, que todos nós já deveríamos estar conscientes: “Ao pensar em ter um novo animal de estimação, é preciso considerar se somos capazes de cuidar deles a longo prazo”. “Os relacionamentos entre as pessoas podem acabar, mas o amor e o cuidado com um animal de estimação apanhado no meio, nunca deveria acabar”.

Confira a história da cadelinha no vídeo abaixo:

Fonte: Histórias com Valor

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>