• Home
  • Milhares de galinhas são forçadas a por ovos sobre cadáveres em granja

Milhares de galinhas são forçadas a por ovos sobre cadáveres em granja

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: AP

Milhares de galinhas foram encontradas vivendo de maneira deplorável em uma granja e o responsável poderá ser condenado a anos de prisão.

Autoridades do Condado de San Bernardino (EUA) disseram que a Hohberg Poultry Ranches e o proprietário, Robert Hohberg, de 70 anos, receberam 39 acusações de crueldade contra animais.

Pelo menos 28 mil aves foram encontradas dentro de gaiolas tão pequenas que não conseguiram abrir suas asas e tiveram que por ovos em cima das companheiras mortas. Além disso, as fazendas não foram devidamente protegidas para evitar a contaminação por salmonela.

Foto: KABC

As condições em que as galinhas foram forçadas a viver foram classificadas desumanas, deploráveis e horríveis. As autoridades começaram uma investigação após a Inland Valley Humane Society receber uma denúncia em 2016.

“As condições de superlotação em que esses animais foram forçados a viver eram cruéis. Foi uma existência terrível. É uma situação muito desumana. Se você prejudicar animais aqui no Inland Empire, nós vamos responsabilizá-lo”, disse o procurador Mike Ramos.

Foto: KABC

Ramos disse que as galinhas aflitas estavam se agredindo gravemente. “Elas começam a tentar sair e a bicar umas às outras. É apenas uma situação terrível”, afirmou.

As três fazendas estão localizadas em Ontario, na Califórnia. Robert Hohberg pode ser condenado a até 180 dias de prisão por cada violação relacionada ao tamanho das gaiolas e a um ano para cada contagem de crueldade animal.

Foto: KABC

Inspetores disseram que encontraram pelo menos um gato vivendo dentro das gaiolas e pássaros selvagens nas casas. Além disso, as autoridades descobriram uma grande desordem no local, detritos, teias de aranha, vazamento de água e ovos destinados ao consumo humano colocados sobre galinhas mortas e à beira da morte.

Foto: KABC

Ramos disse que as acusações foram apresentadas em parte como um aviso a outros fazendeiros de que este tipo de situação não seria tolerada, segundo o Daily Mail.

“Uma das razões pelas quais apresentamos este caso não foi apenas para esse indivíduo fazer as mudanças e parar o sofrimento, mas para a prevenção”, finalizou.

Nota da Redação: Este é mais um caso trágico que escancara a extrema crueldade de uma indústria que visa apenas ao lucro. A única maneira de impedir que as galinhas suportem condições tão miseráveis é abolindo o consumo da carne e dos ovos. O veganismo é fundamental para assegurar a convivência harmônica entre as espécies e o futuro do nosso planeta.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>