• Home
  • Estudo mostra que filmes e livros aumentam preocupação com os animais

Estudo mostra que filmes e livros aumentam preocupação com os animais

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

A ficção é conhecida por ter o poder de melhorar a forma como as pessoas enxergam outros grupos, mas os cientistas não sabiam se isso funcionaria em relação a outros animais.

Em um estudo publicado na revista Plos One, pesquisadores testaram a ideia e pediram para um grupo de pessoas ler um fragmento de um trabalho ficcional inédito que aborda o abuso de animais enquanto outro grupo leu um fragmento que não falava sobre o assunto.

Eles descobriram que o grupo que leu o primeiro excerto estava mais preocupado com o bem-estar animal do que o segundo. A pesquisa incluiu dados demográficos, incluindo o sexo dos participantes e se eles tinham animais domésticos.

Os pesquisadores revelaram que as mulheres são mais propensas a se preocupar com o abuso de animais do que os homens e tutores se preocupam mais com o assunto do que aqueles que não cuidam de animais.

“Uma vez que este efeito foi observado em quase todos os grupos testados, mesmo no grupo que inicialmente apresentou as atitudes menos favoráveis ao bem-estar animal (ou seja, homens que não têm animais domésticos), nossos dados também confirmam que isso não ocorreu devido a uma amostra específica que é sensível ao bem-estar dos animais em geral “, relataram os pesquisadores.

Eles advertem que o estudo foi específico para o trabalho ficcional que eles usaram e mais investigações são necessárias para descobrir se qualquer trabalho de ficção que fala sobre abuso de animais gera o mesmo efeito.

No entanto, os pesquisadores concluem que seus resultados “sugerem fortemente que vale a pena explorar mais a possibilidade de influenciar a preocupação do público com animais por meio da literatura ficcional”, informou o Times Live.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>