• Home
  • Vídeo tocante de bebês rinocerontes órfãos brincando esconde a tragédia da caça

Vídeo tocante de bebês rinocerontes órfãos brincando esconde a tragédia da caça

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Wild Heart Wildlife Foundation
Wild Heart Wildlife Foundation

É muito difícil ficarmos devastados enquanto observamos estes bebês rinocerontes correndo pela relva recém-cortada. Eles estão brincando com seus cuidadores que riem de suas travessuras.

Na superfície, este parece um vídeo bonito e ele é, mas há também uma mensagem sombria por trás dessas cenas. Estes dois rinocerontes moram na Wild Heart Wildlife Foundation porque ficaram órfãos, muito provavelmente por causa de caçadores.

Cerca de três rinocerontes são mortos todos os dias por seus chifres porque a medicina tradicional asiática equivocadamente lhes atribui uma infinidade de propriedades benéficas, como a melhora do desempenho sexual e auxílio com a infertilidade. Depois que os caçadores arrancam seus chifres, eles deixam os rinocerontes mutilados e sangrando. A maioria morre e os poucos que sobrevivem ficam terrivelmente desfigurados.

Os caçadores costumam perseguir as mães com bebês jovens em torno da idade destes dois filhotes. Um  rinoceronte fêmea leva bastante tempo para se recuperar após o parto e, durante todo esse período, ela também está cuidando de seu novo bebê. Esta obrigação adicional retarda e enfraquece as novas mães e as torna presas fáceis de caçadores. Mais de 90% dos bebês rinocerontes órfãos morrem.

Por isso, devemos sorrir quando vemos esses dois rinocerontes rondando em círculos ao redor de seus cuidadores, mas também precisamos estar cientes do motivo de eles estarem em um santuário em vez de na natureza com suas próprias mães.

Segundo estimativas, a menos que façamos algo drástico para acabar com o comércio de marfim e o assassinato dessas criaturas inocentes, os rinocerontes serão extintos em menos de 10 anos, informou o One Green Planet.

 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>