• Home
  • Moradores de Belo Horizonte se unem para tentar identificar assassino de gatos

Moradores de Belo Horizonte se unem para tentar identificar assassino de gatos

0 comments

Divulgação
Divulgação

Moradores do Bairro Santa Tereza, na Região Leste de Belo Horizonte (MG), tentam identificar, por imagens de câmeras de vigilância, um assassino de gatos que já envenenou vários animais na região. Somente na rua Bom Despacho foram dez que apareceram mortos. Onze estão desaparecidos, segundo os tutores. A matança começou no fim de semana e, segundo os moradores, uma pedra com um cruz pintada de vermelho é deixada junto a alguns corpos.

“Cerca de dez gatos foram encontrados envenenados na rua Bom Despacho, em Santa Teresa. Dona Sueli pede ajuda, pois acionou a polícia que não foi até agora. Tem animais agonizando lá! Por favor acionem a imprensa e quem mais possa ajudar”, escreveu o ativista da defesa dos animais, Franklin Oliveira, numa rede social. Moradores estão indignados. “Covardia. Como tem gente ruim nesse mundo. Os animais são tão inocentes!”, postou Cléria Magalhães.

De acordo com o conselheiro da Associação Comunitária do Bairro Santa Tereza, Hércules Nadalin, várias pessoas reclamaram do sumiço de animais domésticos.

Hércules conta que cuidava de dois gatos que viviam em situação de rua, mas que frequentavam a sua casa. Um deles apareceu morto na varanda da sua casa na manhã desse domingo. “Cheguei em casa na noite de sábado e ainda brinquei com ele. Voltei à varada pela manhã e ele já estava morto”, lamenta.

“É uma história muito macabra. Quem faz isso não pode ser uma pessoa normal. É um psicopata”, disse Hércules. Ele conta que foi procurado por uma moradora no domingo e ela o relatou ter encontrado três gatos mortos e um agonizando.

“Ela contou que um gato estava morto debaixo de um carro, em frente ao seu prédio, e dois mortos na garagem do prédio. Um quarto gato estava agonizando na garagem da vizinha, segundo ela”, disse Hércules.

As pedras, com uma cruz pintada em vermelho, como as mesmas encontradas junto aos gatos envenenados, são espalhadas em vários pontos do Santa Tereza e podem ter ligação como o extermínio dos felinos. A moradora Rossimeire Borba postou a foto de uma dessas pedras numa rede social e logo vários outros moradores comentaram ter encontrado também nas ruas Cristal, Grafito, Mármore, Almadina e Gabro.

A população está com medo. Tutores estão trancando os felinos em casa e até tutores de cães pararam de passear com os animais com medo que eles comam algo com veneno. Os moradores, segundo ele, estão organizando uma campanha para conscientizar as pessoas a cuidarem mais dos seus animais.

Fonte: Estado de Minas

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>