• Home
  • Protetores organizam protesto contra a vaquejada em Sorocaba (SP)

Protetores organizam protesto contra a vaquejada em Sorocaba (SP)

0 comments

Divulgação
Divulgação

Defensores dos direitos animais de Sorocaba (SP) realizam neste domingo (27), às 11h, no Parque Kasatu Maru, uma manifestação em repúdio aos cinco projetos em tramitação no Congresso Nacional, além de duas Propostas de Emenda Constitucional (PEC), que justificam a prática de vaquejadas e rodeios como manifestações culturais. Segundo Jussara Aparecida Fernandes, organizadora do ato no município e fundadora do Grupo de Amparo ao Melhor Amigo do Homem (Gamah), os protestos acontecerão em todo o Brasil e é de iniciativa do Movimento Crueldade Nunca Mais.

Segundo a organização do ato em Sorocaba, são esperados cerca de 100 pessoas e de acordo com Jussara, quem se interessar em aderir ao movimento, deve comparecer ao Parque kasatu Maru vestindo roupa branca e portando cartazes pedindo pelo fim da vaquejada. O grupo, conta, pretende chamar a atenção de motoristas e pedestres que trafegam pelas avenidas Antônio Carlos Comitre e Washington Luiz. A Urbes — Trânsito e Transporte já foi informada sobre o protesto. Jussara afirmou que o grupo não pretende interditar nenhuma via.

A mobilização de parlamentares em favor desses costumes em determinadas regiões é uma reação à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que julgou improcedente a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4983, que favorecia a prática da vaquejada. Jussara destaca que consultas públicas disponibilizadas no site do Senado evidenciam a posição contrária da maior parte da sociedade. “Não estamos sendo ouvidos porque essa prática beneficia a bancada ruralista”, reclamou.

As vaquejadas são realizadas em algumas regiões do país, principalmente no nordeste, e consistem em fazer com que um boi ou um bezerro seja instigado a sair em disparada para que, perseguido por dois homens montados a cavalo, seja puxado pelo rabo e derrubado com as patas para cima.

Fonte: Jornal Cruzeiro

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>