• Home
  • SeaWorld continua a explorar animais e anuncia "novo show" com orcas

SeaWorld continua a explorar animais e anuncia "novo show" com orcas

0 comments

Por Rafaela Pietra | Redação da ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Reprodução/SeaWorld via Getty Images)
Foto: Reprodução/SeaWorld via Getty Images)

No começo deste ano, a SeaWorld anunciou o encerramento de seu programa de reprodução de orcas, além de suspender a retirada dos animais de seus habitats naturais com o intuito de serem explorados para entretenimento. Logo em seguida, em comunicado oficial, o parque declarou que as apresentações de animais realizadas na Califórnia teriam seu fim previsto para 2017, enquanto as de San Antonio, no Texas, e de Orlando, na Flórida, seriam suspensas em 2018 e 2019, respectivamente.

Com a queda do público e a crise financeira enfrentada pelo parque, graças à revolta gerada pelo tratamento dado aos animais, o fim da exploração parecia próximo. Infelizmente, ele ainda está longe de acontecer.

A companhia anunciou que um “show menor” continuará a ser realizado no parque, o Dine with Shamu, uma apresentação de orcas obrigadas a realizar truques em um tanque enquanto os frequentadores do parque almoçam e assistem ao espetáculo cruel.

Para piorar a situação, segundo uma publicação recente no site Panrotas, o diretor de Vendas e Marketing do SeaWorld no Brasil, Mauricio Alexandre, declarou que os shows com golfinhos continuarão a ser realizados. Quando questionado sobre o assunto, Maurício disse que acabar com as apresentações está “fora de cogitação”.

O destino dos animais explorados pelo SeaWorld é um só: a morte. Em 2014, uma beluga chamada Ruby, mantida em cativeiro e forçada a engravidar diversas vezes, morreu após um claro quadro de estresse enquanto era medicada com antidepressivos. No Canadá, um golfinho mantido no Vancouver Aquarium morreu de causas “desconhecidas”, assim como muitos outros animais na triste e cruel história da SeaWorld.

Nota da Redação: Como já dissemos antes, a conduta do SeaWorld em relação aos animais é completamente absurda. Este parque visa apenas ao lucro às custas de belas e inocentes espécies.  Há inúmeras evidências sobre os prejuízos do cativeiro a estes animais que ficam angustiados, estressados, doentes e morrem precocemente.  O cativeiro não protege as espécies, apenas as priva da liberdade que teriam na natureza.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>