• Home
  • Ursa obesa explorada por 10 anos em zoo desfruta da liberdade em santuário

Ursa obesa explorada por 10 anos em zoo desfruta da liberdade em santuário

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Reprodução/PETA
Reprodução/PETA

Os ursos-lua, ou ursos negros asiáticos, são uma visão rara nos EUA. Estes animais são nativos do Himalaia, subcontinente indiano, e podem ser encontrados em toda a Coreia, em partes da China e no Japão.

Eles são classificados como vulneráveis pela União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN) em grande parte devido ao desmatamento e à caça de bile de urso.

Por isso, a história da ursa  Lily, que viveu em Maryland, é surpreendente e gera perplexidade.Infelizmente, Lily era mantida em cativeiro no Deer Haven Mini Zoo, onde morou em uma pequena e imunda jaula por 10 anos.

Na natureza, os ursos-lua possuem acesso a grandes espaços  para se alimentarem e às árvores  para escalar. Porém, sem nada disso, Lily se tornou uma obesa mórbida e sofreu imensamente com o tédio gerado pelo cativeiro.

Quando a PETA descobriu sua condição, os ativistas imediatamente começaram a pedir a libertação da ursa miserável. Após muitas campanhas, essa doce ursa-lua finalmente possui a vida que merece.

No vídeo, vemos Lily conhecendo seu novo recinto no Wild Animal Sanctuary, no Colorado. Uma vez que se adaptar ao ambiente do santuário, ela terá acesso a um espaço ainda maior, onde poderá experimentar todas as maravilhas da vida, segundo o One Green Planet.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>