• Home
  • Exemplo: Fotojornalista reúne unidades de patrula para preservar elefantes ameaçados

Exemplo: Fotojornalista reúne unidades de patrula para preservar elefantes ameaçados

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Paul Hilton, Instagram
Paul Hilton, Instagram

Até mesmo os maiores amantes de animais ficam um pouco desconectados do abuso excessivo que ocorre com outras espécies em todo o mundo. Poderosas imagens e vídeos mostram algumas das situações dolorosas que os animais têm de lidar, mas ativistas, fotojornalistas e cinegrafistas testemunham a crueldade em primeira mão e têm a chance de interagir com as vítimas.

Há profissionais na África subsaariana que veem caçadores assassinando leões africanos. Eles estão lá para ajudar bebês orangotangos que permanecem sob as cinzas de exuberantes florestas destruídas pela indústria do óleo de palma. Em Sumatra, eles denunciam a população de elefantes diminuir cada vez mais conforme os animais são expulsos de seu habitat, sequestrados e mortos.

Alguns jornalistas documentam as situações de longe. Outros usam a sua fama para conscientizar o público sobre os animais  que precisam de nossa ajuda mais do que nunca. Paul Hilton é um fotojornalista que denuncia o comércio de barbatanas de manta e tubarões, de óleo de palma e crimes contra a vida selvagem.

Focado no óleo de palma, não é surpresa que Hilton tenha passado boa parte do seu tempo com elefantes de Sumatra. Hoje, o habitat desses elefantes é destruído para dar lugar às plantações de palma, um dos óleos vegetais  mais baratos e versáteis no mercado.

Devido a esta destruição, as famílias de elefantes têm extrema dificuldade em encontrar fontes adequadas de comida e água e é quase impossível sobreviver.

Para piorar, quando eles tentam encontrar recursos em plantações de óleo de palma, eles geralmente são baleados. Por isso, não é surpreendente que existam apenas cerca de 1300 elefantes de Sumatra na natureza.

Hilton tem trabalhado ao lado destas magníficas criaturas em perigo há anos e lhes fez uma espécie de promessa: ele fará tudo o que puder para preservar as manadas que ainda existem hoje.

Por meio de seus esforços de conservação, ele espera que as pessoas percebam que esta espécie majestosa deseja e merece viver, de acordo com o One Green Planet.

Paul Hilton está reunindo unidades de patrulha que manterão um olhar vigilante nas manadas para protegê-las contra a caça, o envenenamento, a eletrocussão e outros conflitos  com seres humanos. Esta é definitivamente uma missão nobre e compassiva.

Nota da Redação: Podemos ajudar a salvar esses elefantes reduzindo a demanda por óleo de palma, que tem prejudicado cada vez mais o seu habitat. Estas criaturas sensíveis e complexas estão cada vez mais ameaçados pelas ações humanas e é extremamente necessário que medidas sejam adotadas para sua preservação.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>