• Home
  • Parques australianos proíbem drones que prejudicam animais selvagens

Parques australianos proíbem drones que prejudicam animais selvagens

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Reprodução/ABC
Reprodução/ABC

A Austrália Meridional, um dos seis estados australianos, decidiu  proibir o uso de drones em parques nacionais em um esforço para reduzir os impactos negativos que os dispositivos causam sobre os animais.

O diretor de Programas Regionais do Departamento de Meio Ambiente Grant Pelton declarou que qualquer pessoa que operar um drone sem uma licença será em US$ 75,00.

“Temos visto um uso crescente particularmente em locais como a Península Eyre e em Kangaroo Island. Como resultado disso, recebemos uma série de queixas e, portanto, decidimos alterar os nossos regulamentos para monitorar melhor o uso de drones”, explicou ele.

Pelton acrescentou que os drones podem prejudicar aves, incluindo espécies ameaçadas, como a águia-de-barriga-branca.

Reprodução/ABC
Reprodução/ABC

“Elas são altamente sensíveis a perturbações, especialmente durante o período de nidificação e reprodução. Por isso, obviamente, queremos regulamentar a utilização de qualquer tipo de aeronave nessas áreas, incluindo drones”, completou.

No início deste ano, o pesquisador Jarrod Hodgson, da Universidade de Adelaide, também solicitou um código de boas práticas para proteger os animais também de drones usados em pesquisas.

Ele disse que o aumento do uso de drones para investigações, comércio e atividades recreativas poderia prejudicar o comportamento e reprodução dos animais.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>