• Home
  • Humane Society inicia campanha contra fábricas de filhotes

Humane Society inicia campanha contra fábricas de filhotes

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Reprodução/Don'tBuyIntoPuppyMills
Reprodução/Don’tBuyIntoPuppyMills

A Humane Society dos Estados Unidos, em parceria com a agência publicitária Rokkan, lançou uma nova campanha para combater as terríveis fábricas de filhotes que exploram animais para comercializá-los.

Chamada “Don’t Buy Into Puppy Mills” (Não compre em moinhos de filhotes), a campanha visa mostrar a crueldade oculta por trás dos filhotes disponíveis para a venda em lojas de animais ou na internet.

O trabalho é composto de três filmes de 30 segundos e um filme um pouco mais longo, que ilustram as respostas imaginativas das crianças para a pergunta: “De onde os filhotes vêm?” As crianças dão respostas otimistas e criativas que mostram equívocos comuns sobre a origem da maioria dos filhotes.

Conforme os filmes continuam, as animações se transformam e revelam as realidades devastadoras desta indústria. Além de trazer essas imagens à tona, as animações querem maximizar o impacto da mensagem ‘Não compre em moinhos do filhote’ e incentivar um maior engajamento do público no combate a esta crueldade contra os animais.

“Durante a longa história da organização, fizemos uma série de campanhas de sensibilização para o horror das fábricas de filhotes “, disse John Goodwin, membro da Humane Society e diretor sênior do trabalho.

“Obtivemos grande sucesso em muitos dos nossos esforços anteriores, mas a verdade é que estas fábricas ainda estão operando graças ao apoio de compradores bem-intencionados e ingênuos. Esta última campanha quer desmascarar esta indústria”, completa.

Segundo ele, o trabalho centra-se em sites e em lojas que vendem animais, pois estes são dois dos estabelecimentos mais enganosos. Estes locais não permitem que o comprador tenha a oportunidade de ver como os cães e gatos foram criados antes de comprá-los, contribuindo para dissimular as condições desumanas que os animais são obrigados a suportar.

A Humane Society e a Rokkan desenvolveram também um site específico para a campanha.

“Os consumidores tornaram-se muito conscientes sobre a origem de seus alimentos e roupas, mas e quanto aos animais domésticos? É muito difícil acreditar que a maioria dos compradores de cães não sabe que está financiando estas fábricas. O amor dos filhotes nos deixa cegos para enxergar a verdade. Ao fazer este questionamento, esperamos estimular as pessoas a pensar mais criticamente sobre de onde estes animais realmente vêm”, completa Sean Miller, da Rokkan.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>