• Home
  • Policiais encontram mais de 650 pangolins mortos em congeladores

Policiais encontram mais de 650 pangolins mortos em congeladores

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Juni Kriswanto
Foto: Juni Kriswanto

As autoridades da Indonésia encontraram mais de 650 pangolins, espécie criticamente ameaçada de extinção, dentro de congeladores e prenderam um homem por violação das leis nacionais de proteção à vida selvagem.

Os policiais descobriram os pangolins, conhecidos como “tamanduás escamosos”, em uma casa no distrito de Jombang na principal ilha de Java após receberem denúncias de moradores locais que suspeitaram sobre o grande número de congeladores da propriedade.

Um total de 657 pangolins, que são consumidos como um prato luxuoso na China e utilizados na medicina tradicional, estavam embrulhados em plástico e armazenados em cinco congeladores grandes, de acordo com o porta-voz da polícia de East Java Raden Prabowo Argo Yuwono.

O proprietário da residência, um homem de 55 anos cuja identidade não foi divulgada, foi preso e considerado suspeito, pois as autoridades acreditam ter provas suficientes para acusá-lo criminalmente.Ele pode pegar cinco anos de prisão e uma multa de 100 milhões de rúpias, equivalente a US$ 7.500.

“O suspeito insistiu que não era responsável pelos pangolins e que um amigo pediu-lhe para guardar os animais porque ele tem congeladores”, disse Yuwono, acrescentando que o amigo do suspeito também estava sendo procurado pelos oficiais.
O homem alegou que não tinha vendido os pangolins e se recusou a dizer à polícia para onde os animais seriam enviados.

Os pangolins são procurados na China e em outras partes da Ásia pela sua carne, pele e escamas. Nessas regiões, a carne destes mamíferos é considerada uma iguaria, enquanto suas peles e escamas são usadas na medicina tradicional e para a confecção de itens da indústria da moda, como botas e sapatos luxuosos. A União Internacional para Conservação da Natureza classifica os pangolins que habitam a Indonésia como criticamente ameaçados, informou o The Guardian.

Nota da Redação: A ganância humana leva à crueldade extrema e a um sofrimento inimaginável que os animais são obrigados a enfrentar. Caçadores impiedosos só visam ao lucro em detrimento de vidas inocentes e este caso é mais uma demonstração desta brutalidade. Além disso, a ignorância faz as pessoas acreditarem em lendas ultrapassadas para explorar também animais ameaçados de extinção. As leis de preservação precisam ser mais severas para impedir crimes bárbaros como este.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>