• Home
  • Zoofilia é tratada como brincadeira em programa de Serginho Groisman

Zoofilia é tratada como brincadeira em programa de Serginho Groisman

0 comments

Por Marcela Couto (da Redação)

laura
Foto: Reprodução/EXTRA

Uma “dúvida” sobre sexo deixou a especialista Laura Muller e o público desconcertados no programa “Altas Horas” do último sábado , mas na verdade deveria causar revolta e indignação.

Um convidado da plateia perguntou à sexóloga se a saliva de cachorro fazia mal para o pênis, em referência óbvia a um ato de zoofilia.

“Eu tenho um amigo que tem vários cães, certo? E ele pediu para perguntar se saliva de cachorro em excesso faz mal pro pênis“, disse o garoto sem a menor cerimônia.

O apresentador Serginho Groismann tentou fazer uma piada para aliviar o constrangimento:
“Ok, péra aí. Vamos voltar essa pergunta. O cachorro fica lambendo? Eu não entendi. O que é?”, indagou o apresentador.

Mas a frase não deixou dúvidas de que um ato abominável estava sendo descrito. Apesar da gravidade da situação, Laura foi extremamente irresponsável ao responder: “Bom… Tem uma galera que defende os animais e vai ficar louca com essa história, né. Mas vamos lá. É meio nojento, na verdade, né, gente? Poxa… Mal pra saúde do pênis não vai fazer; nem pra do cachorro, se o pênis estiver saudável. Mas pra cabeça vai”, afirmou.

Foto: Reprodução/Marcha da Defesa Animal
Foto: Reprodução/Marcha da Defesa Animal

Em primeiro lugar, a saliva de cães pode sim ser prejudicial à saúde humana e causar doenças. Em um caso recente, uma idosa de 70 anos ficou internada por quase um mês no Reino Unido após receber lambidas do cachorro de estimação. A mulher desenvolveu uma infecção grave causada pela bactéria Capnocytophaga canimorsus, presente na gengiva de algumas raças de cães e gatos.

Em segundo lugar, a zoofilia pode ser enquadrada como crime de abuso e maus-tratos, segundo art. 32 da Lei de Crimes Ambientais. Ainda assim, a denúncia de um caso de zoofilia foi tratada como uma brincadeira em rede nacional, ferindo profundamente os direitos animais.

Não existe “relação sexual” entre espécies, pois animais não-humanos não são capazes de consentir o ato, tornando qualquer contato sexual com animais nada mais que estupro.

No Brasil, milhares de animais são vítimas de abusos dessa natureza, especialmente em áreas rurais. Até mesmo na pornografia há diversas produções envolvendo agressão sexual contra animais, livremente comercializadas.

Para ajudar a combater esse terrível abuso, assine a petição on-line que exige uma lei específica contra a zoofilia, seguindo o exemplo de muitos países da Europa que já criminalizaram a bestialidade.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Essa fundamentação que a ANDA produziu acima é que deveria ter sido a resposta da especialista em sexo, mas não em humanidade! Meio nojento foi a abordagem dela!!!!

  2. Fiquei mais triste ainda ao saber de mais essa. Quer dizer que se deixarmos os nossos bichinhos nos lamber estamos correndo risco. E eles adoram nos lamber. Agora mesmo estava cuidando dos que moram comigo. Um deles sempre que levo a comida ele pula e lamba meu rosto, como se estivesse agradecendo. Não posso mais permitir? Ele não vai entender. Mais essa. Sempre chegando mais coisas ruins sobre animais.

    Por falar nisso, não sabemos realmente o motivo da pergunta do rapaz. Pode ser que seja o que tomos pensaram, ou pode ser que seu cachorro lambeu seu penis pelo mesmo motivo que lambe nossos rostos, porque animis não tem essa de achar que penis é algo sujo. Para eles é apenas uma parte do corpo. Pode ter acontecido uma vez e o rapaz ficou preocupado. Pode ser também zoofilia sim. Quero dizer apenas que apenas pela pergunta feita não dá para saber.

  3. Vejam em qual canal passou e o programa (além do apresentador). É pedir demais que coloquem uma programação educativa ou de diversão, de verdade. Esperar o quê da Bobo?

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>