• Home
  • Protetores de Porto Velho (RO) denunciam descaso de órgãos públicos em pedido de ajuda para resgatar cavalo

Protetores de Porto Velho (RO) denunciam descaso de órgãos públicos em pedido de ajuda para resgatar cavalo

0 comments

Indira Jara
indirajara@live.com

resgate2
Divulgação

Na noite de segunda-feira (22), vários voluntários se uniram para realizar o resgate de um cavalo que estava muito debilitado e sendo comido vivo por formigas. O animal estava tão exausto que não conseguia se afastar do formigueiro, e também estava sem se alimentar e desidratado. Provavelmente, foi deixado para morrer no local.

Os voluntários envolvidos no resgate relatam ter sido o caso mais exaustivo e demorado que já haviam feito. O cavalo foi batizado de Guerreiro.

Depois de horas tentar carregar o cavalo, os voluntários conseguiram um guincho, mas a com o risco de atolamento, a máquina não conseguiu chegar aonde o animal estava.  O cavalo foi arrastado por mais de 15 metros, para conseguir chegar até o guincho.

resgate
Divulgação

 

Graças a união de várias equipes de protetores (Protetores Voluntários PVH, Socorrista Animal e Vira Lata), o cavalo foi resgatado e foi internado no Hospital Veterinário. O veterinário que assumiu o caso realizou inúmeras tentativas para reanimar Guerreiro, mas seu corpo já estava esgotado.

Os voluntários deixam seu sentimento de repúdio aos órgãos, que deveriam ser responsáveis por situações de resgate e prestação de serviço à comunidade – Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Centro Zoonoses e IBAMA, que omitiram o resgate após diversos pedidos por ajuda (e ainda zombam do trabalho realizado pelos protetores).

 

morto no HVET
Divulgação

Voluntários dos “Protetores Voluntário PVH”.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>