• Home
  • Cadela vive acorrentada há anos em Iowa, Estados Unidos

Cadela vive acorrentada há anos em Iowa, Estados Unidos

0 comments

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Cachorro-acorrentado-na-neve

Moradores da cidade de New Providence, Iowa, têm sido testemunhas relutantes de um caso de uma cadela que fica acorrentado todos os dias, durante o verão e o inverno, ano após ano. As informações são do The Dodo.

A pequena cidade está atraindo a atenção das mídias sociais pela foto de Bella no meio da neve. Moradores contam que já foram à reuniões na câmara municipal, conversaram com o prefeito e o xerife, e que a campanha para libertar Bella já dura três anos.

O barulho causado finalmente levou o xerife à casa dos tutores do animal. “Ela está acorrentada do lado de fora,” disse o xerife Dave McDaniels. “Ela tem abrigo, água e comida. Mas o tipo de abrigo é questionável.” Ele conseguiu, ao menos, persuadir os tutores a aceitarem uma casa de cachorro construída por moradores preocupados. “Conversei com a família e a convenci a aceitaram uma casa de melhor qualidade do que a que ela tem agora. Espero que isso torne as condições mais favoráveis para o animal.”

Haas-Gray, uma moradora local, não tem tanta certeza. “Não é ideal,” ela disse. “Ainda quero tirá-la de lá. Um passo de cada vez.”

*É permitida a reprodução total ou parcial desta matéria desde que citada a fonte ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais com o link. Assim você valoriza o trabalho da equipe ANDA formada por jornalistas e profissionais de diversas áreas engajados na causa animal e contribui para um mundo melhor e mais justo.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Após esgotadas, sem êxito, as negociações legais para por fim à situação, protetores preocupados não deveriam claro, roubar o cão porque seria uma crime, mas poderiam“transferi-lo” para local ignorado e seguro onde jamais vislumbre a sombra de uma corrente ou corda e onde não sinta frio nem solidão pois tudo indica que seus “donos” não são “de estimação” para ela. Cães não costumam viver muito tempo e se a Campanha para liberta-la “já dura três anos”, já passou da hora de praticar a teoria provando que “A vida é (de) Bella”, não é dos tutores.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>