• Home
  • Autoridades da Colômbia propõem punições mais severas a crimes de crueldade a animais‏

Autoridades da Colômbia propõem punições mais severas a crimes de crueldade a animais‏

0 comments

(da Redação)

Foto: Colombia Reports
Foto: Colombia Reports

O Congresso da Colômbia apresentou um projeto de lei que propõe aumentar valores de multas e estender sentenças de prisão em mais de três anos para crimes de crueldade contra animais. As informações são do Colombia Reports.

Em breve, a posição do governo sobre a lei proposta deverá se tornar conhecida. Foi realizada uma audiência pública com representantes de movimentos de direitos animais, para que as suas contribuições pudessem ser ouvidas.

Segundo a reportagem, a lei foi escrita por Juan Carlos Lozada, membro da Câmara dos Deputados, e tem o intuito de conseguir fazer com que as pessoas e a legislação parem de considerar os animais como “coisas”.

Neste ano, a Colômbia testemunhou diversos escândalos envolvendo animais torturados no país, incluindo um cão da raça bull terrier que foi estrangulado, e um cavalo esquartejado. Casos como esses levaram Lozada a propor a lei.

A proposta foi aprovada por unanimidade durante duas sessões na Câmara dos Deputados e em seguida foi enviada para o Senado, onde o Senador Juan Manuel Galan introduziu a iniciativa. Galan disse que o país espera saber a posição oficial do governo quanto a este assunto – que ainda não foi divulgada.

Galan declarou que não se trata apenas do endurecimento das penalidades legais para quem cometer abusos contra animais, e sim que o progresso deve acontecer na atitude dos cidadãos da Colômbia com relação a este tópico, e que os animais devem ser reconhecidos como seres sencientes como lhes é de direito.

De acordo com Lozada, a aprovação da lei é apoiada por grande parte da população, que está “começando a defender os direitos dos animais em um maior  grau”. Andrea Padilla, porta-voz da AnimaNaturalis International disse que a legislação oficial precisa ser posta em prática para reforçar este progresso alcançado pelo público.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>