• Home
  • Projeto é espécie de escola e orfanato para filhotes de onça órfãos

Projeto é espécie de escola e orfanato para filhotes de onça órfãos

0 comments

Onça-parda ou suçuarana: preparação para soltura na natureza (Márcio de Campos/TG)
Onça-parda ou suçuarana: preparação para soltura na natureza (Márcio de Campos/TG)

Em Itapira (SP), fica a sede do projeto Corredor das Onças. Metade escola, metade orfanato, a iniciativa busca reabilitar onças resgatadas em situação de risco, ensinando hábitos selvagens para reintegrá-las à natureza.

A proposta é expor os animais ao mínimo contato com o homem e, posteriormente, soltá-los na mata. Atualmente, o Corredor das Onças conta com seis órfãos: dois machos e quatro fêmeas. A história de um deles é emocionante. Abayomi, um macho de onça-parda, tornou-se símbolo de resistência da espécie, após sofrer um acidente que lhe tirou a mãe.

O animal habitava a área de uma fazenda na cidade de Campinas (SP) e costumava caçar galinhas com sua mãe. Foi quando o dono da fazenda preparou uma armadilha. Quando Abayomi e a mãe foram para mais um dia de caça, ficaram presos no galinheiro, cercados por fogo.

A mãe não conseguiu se salvar e Abayomi foi encontrado mais tarde, aparentemente com 58 dias de vida, com várias queimaduras pelo corpo. Desde então, a onça vem sendo cuidada pelo projeto Corredor das Onças.

Por tantos obstáculos enfrentados, a história da oncinha transformou-se em livro infantil. A narrativa destaca a espécie e conscientiza as crianças sobre a importância da preservação e do cuidado com a natureza.

Fonte: G1

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>