• Home
  • ONG denuncia que jumentos retirados das ruas estão passando fome

ONG denuncia que jumentos retirados das ruas estão passando fome

0 comments

foto1111_ong
Animais presos no Centro de Correição de Parnaíba. Foto: Divulgação/ONG 7 Vidas

Cerca de 30 jumentos resgatados pela prefeitura nas ruas de Parnaíba, litoral do Piauí, estão passando fome no Centro de Correição Municipal da cidade. A denúncia foi feita em uma rede social pela ONG 7 Vidas, organização de defesa dos animais que atua na cidade. Membros da organização estiveram e constataram a situação precária a que os jumentos são submetidos.

Vizinhos relataram para a equipe da ONG que somente uma vez por semana homens da prefeitura de Parnaíba levam capim para alimentar os animais. A denúncia diz ainda que o local é bastante insalubre, com muita sujeira e muitas fezes. Inconformados com a situação de abandono e maus-tratos, membros da ONG levaram comida para os jumentos.

“Conseguimos a doação de uma quantidade de capim e levamos para eles, todos estavam muito esfomeados. Como o portão é fechado, jogamos o capim pela cerca, foi um verdadeiro alvoroço, a fome era grande”, diz a publicação feita pela ONG na rede social.

Em entrevista ao G1, a advogada da ONG, Savina Moura, disse que os animais levados para o Centro de Correição são retirados das ruas e para serem soltos a prefeitura cobra uma taxa.

Segundo ela, muitos tutores preferem não pagar o valor e “abdicam” dos animais. A advogada destaca também que boa parte dos jumentos sequer tem guardião e muitos viviam vagando nas ruas antes de serem resgatados.

“Outros até têm um tutor, mas como precisa pagar a taxa eles preferem não ir atrás. Acham que não compensa pagar”, disse a advogada ressaltando que em muitos casos o jumento custa menos do que o valor cobrado pela prefeitura.

jeguele11
Animais foram apreendidos nas vias públicas da cidade. Foto: Divulgação/ONG 7 Vidas

Savina Moura, que também é membro da Comissão de Meio Ambiente da OAB de Parnaíba, disse que já encaminhou ofício para ao Ministério Público informando a situação dos animais. Segundo ela, ainda não há uma resposta ao documento porque o promotor responsável encontra-se em recuperação após ter sofrido um acidente.

“Eles simplesmente tiram da rua e jogam lá e uma vez por semana levam comida. Há dois anos nós já havíamos retirado 22 jumentos de lá, mas a situação voltou se repetir novamente. Nós estamos levando comida todos os dias para alimentá-los, tudo fruto de doação”, finalizou a advogada.

A reportagem procurou a Prefeitura de Parnaíba para falar sobre a denúncia. A assessoria de comunicação informou que o secretário do setor primário e abastecimento, Augusto Meneses, é quem poderia falar sobre o assunto, no entanto ele não atendeu as ligações.

Fonte: G1.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>