• Home
  • Bombeiros capturam 89 animais peçonhentos em Rio Branco (AC) durante cheia

Bombeiros capturam 89 animais peçonhentos em Rio Branco (AC) durante cheia

0 comments

(Foto: Corpo de Bombeiros)
(Foto: Corpo de Bombeiros)

O Corpo de Bombeiros capturou, desde o dia 22 de fevereiro até o último sábado (14), período da maior cheia do Rio Acre em Rio Branco, quase 90 animais peçonhentos. De acordo com o capitão Cláudio Falcão, os chamados para retiradas desses animais são, principalmente, dos bairros atingidos pela alagação. Ao menos 80% das solicitações são para captura de cobras e uma minoria para bicho-preguiça e jacaré.

“A maioria dos chamados é para captura de cobras. Tivemos uma minoria para bicho-preguiça e jacarés. A jibóia é a espécie mais comum de ser capturada nessa região. É um animal de grande porte, que se locomove devagar e não é tão agressiva. Na maioria das vezes, encontramos o réptil dentro das casas, já que a presença do humano não espanta o animal”, explicou o capitão.

Ao receber o chamado, a equipe do Corpo de Bombeiro vai até o local, faz a captura com as técnicas necessárias para não machucar o animal e em seguida devolve para seu habitat natural. Em alguns casos, os animais são mantidos em cativeiro para treinamento tanto de bombeiros, como para policiais e o exército.

O capitão dá orientações para quem está retornando às suas casas com a vazante do rio. “Orientamos que as pessoas tenham muito cuidado não somente com esses animais, mas também com a aparição de escorpiões e vários tipos de aranhas. Esses animais causam tanta dor quanto a picada de uma cobra. Pedimos que mantenham suas casas limpas, porque a sujeira atrai esses animais”, explica Falcão.

Esses animais são comuns nessa época do ano. Eles aparecem, principalmente, devido ao acúmulo de lixo e entulho nas residências, segundo o capitão. “A enchente desvia o animal do lugar onde ele está, que geralmente é mais próximo do rio, e leva para as casas, e aí está o perigo”, finaliza.

Fonte: G1

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>