• Home
  • PM resgata dezenas de animais mantidos em cativeiros em Aracaju (SE)

PM resgata dezenas de animais mantidos em cativeiros em Aracaju (SE)

0 comments

A Polícia Militar de Sergipe, através do Pelotão de Polícia Ambiental (PPAmb), flagrou 33 pássaros silvestres em uma residência localizada no bairro Getúlio Vargas, na capital sergipana. A apreensão aconteceu por volta das 9h30 de quarta-feira, 4, pela guarnição comandada pelo cabo Soares, em cumprimento à ordem de serviço para apurar denúncia de que em uma residência localizada no referido bairro havia uma grande quantidade de pássaros e aves exóticas.

No local, a guarnição identificou um senhor de 72 anos como sendo o guardião dos animais. Convidada pelo tutor para adentrar à residência, a guarnição confirmou a denúncia e encontrou 33 pássaros silvestres, alguns bastante valorizados pelos criadores, a exemplo de quatro aves da espécie estévão e uma asa branca, ave rara e que figura como ameaçada de extinção no site do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Indagado se as aves eram registradas e se o proprietário possuía autorização da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) para manter as aves em cativeiro, o cidadão afirmou que as aves não eram anilhadas e que não possuía autorização da Adema, contrariando, assim, as exigências legais.

Diante da negativa, a guarnição explicou ao infrator que, em que pese os animais estarem bem tratados e serem criados como hobby desde criança, ele estava cometendo crime ambiental, com o agravante de estar em posse de uma espécie ameaçada de extinção. O homem foi conduzido à Delegacia de Proteção ao Consumidor e Meio Ambiente (Deprocoma), juntamente com as aves apreendidas, onde foi confeccionado um termo circunstanciado por crime ambiental previsto no artigo 29 da Lei 9.605/1998.

Após os procedimentos legais, os animais foram conduzidos ao centro de triagem de animais silvestres do Ibama, localizado no bairro Mosqueiro, zona de expansão de Aracaju.

Fonte: Fax Aju

Nota da Redação: Como nós, os animais nasceram para viver livremente. Manter um animal engaiolado é um dos crimes mais cruéis do ponto de vista ético. Infelizmente as nossas leis ainda permitem que algumas espécies de aves sejam caçadas, comercializadas e aprisionadas apenas para satisfazer a ganância e os desejos inconscientes e cruéis de algumas pessoas. Não podemos mais aceitar calados este tipo de prática como também todas as outras que tratam os animais apenas como mercadoria ou objeto de decoração. As leis precisam avançar e proibir qualquer forma de manutenção de animais em cativeiro.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>