• Home
  • Polícia investiga mortes de gatos encontrados em cemitério

Polícia investiga mortes de gatos encontrados em cemitério

0 comments

Abandonados, gatos encontram no cemitério sobrevivência por meio de voluntários
Abandonados, gatos encontram no cemitério sobrevivência por meio de voluntários

A Polícia Civil investiga as mortes de nove gatos encontrados mortos na manhã de ontem, 1º, no cemitério municipal de Palmares Paulista. Eles possivelmente foram envenenados.

De acordo com a presidente da Associação de Proteção Animal Meio Ambiente e Cidadania – Apamac, Eliana Silva, os gatos foram encontrados por um voluntário que trata dos animais abandonados no local. Uma média de 27 gatos vivem no cemitério.

“Trato dos gatos do cemitério faz oito anos, de vez em quando há morte de um ou de outro. Mas nesta manhã encontrei nove gatos mortos de uma vez. Registramos fotos e fiz um Boletim de Ocorrência para que a Polícia investigue, porque não temos como acusar ninguém sem prova”, disse o voluntário Alcides Destri.

Segunda Eliana, o abandono de gatos no cemitério se tornou algo comum, visto que a localização é afastada da cidade. “Por mais que muitos sabem que abandonar um animal é crime, as pessoas continuam deixando os gatos no cemitério”, afirmou.

De acordo com a presidente, devido ao município não possuir um gatil e a associação não ter como recolher os animais, os voluntários passaram a tratar dos felinos diretamente no cemitério, com a ajuda de doações e também castração.

O prefeito Junior Bugança afirmou que a grande dificuldade do município é o controle dos gatos abandonados no cemitério, justamente por ser um local afastado da área urbana. Em contrapartida, explicou que o município possui uma parceria com a Apamac e que criou uma pequena casa do lado externo do cemitério, para acolher os gatos.

“Em parceria com os voluntários colocamos faixas explicando que é crime os maus-tratos de animais e os voluntários também realizam a distribuição de folhetos com orientações. Ainda nas festividades damos espaço para associação arrecadar fundos e ajudamos no custo de castração dos animais. Acredito que esta situação será melhorada com o tempo, por meio de orientação e conscientização da população”, disse.

As causas da morte dos animais serão investigadas, pelo novo Código Penal, maltratar animais é crime e pode resultar em até 4 anos de reclusão. Em caso de maus-tratos de animais, a população pode fazer denúncia também diretamente com a Polícia Ambiental, em Catanduva ligue no (17)3522-1313.

Fonte: O Regional

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>