• Home
  • Moradores denunciam mortes violentas de cachorros em Curitiba (PR)

Moradores denunciam mortes violentas de cachorros em Curitiba (PR)

0 comments

Foto: Valquir Aureliano
Foto: Valquir Aureliano

Cães, vivos e mortos, estão sendo abandonados em um local cercado por mato e lixo no bairro Pinheirinho, em Curitiba. A “desova” aconteceria num trecho da rua Luciano Piuzzi, esquina com a rua Cid Marcondes do Albuquerque, em frente ao terreno da antiga fábrica de alimentos. Moradores e trabalhadores da região estão denunciando a situação. O caso mais recente teria ocorrido na segunda-feira, quando seis cachorros de rua teriam sido queimados vivos no local.

Segundo a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SMMA), que é responsável pela Rede de Proteção Animal, todos os dias a Prefeitura de Curitiba recebe 25 denúncias envolvendo maus-tratos de animais. A maior parte dos casos, porém, é apenas de orientação. Ainda assim, cerca de 10% das denúncias se configuram como maus-tratos, o que dá mais de duas denúncias por dia que se confirmam.

Segundo os moradores, que pedem para não serem identificados — embora tenham criado uma página no Facebook para realizar parte das denúncias — a violência de segunda-feira foi tamanha que até uma rottweiller prenha foi queimada. O anonimato das pessoas é por temer retaliações.

Estudos recentes, inclusive, apontam que 69,3% dos criminosos que cometeram abuso contra animais tiveram envolvimento com outros crimes violentos. Além disso, 54% das mulheres que procuraram abrigos nos EUA relataram que o companheiro já havia matado ou agredido o animal de companhia.

Quem denuncia diz já ter feito um alerta das ocorrências para o poder público, que por sua vez alega que ainda não recebeu a denúncia, que pode ser feita pelo telefone 156. Quando a denúncia chegar, o caso das desovas no Pinheirinho deve ser investigado pela Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente, da Polícia Civil, já que a Secretaria de Meio Ambiente e a Rede de Proteção Animal fazem apenas a fiscalização, não possuindo poder de investigação.

Se comprovada a violência contra os animais e descoberto quem são os autores, eles poderão ser condenados por “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos” (artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais). A lei prevê pena de três meses a até um ano e quatro meses de prisão, em caso de morte.

Contudo, como o crime é considerado de menor potencial ofensivo, a punição poderá ser trocada por pagamento de multa, prestação de trabalhos à população ou doação de cestas básicas ou pacotes de ração.

Fonte: Bem Paraná

 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. FALAM MUITO DE LEI CONTRA MAUS TRATOS E POUCO SE FAZ CUMPRIR, NOSSA TRISTE REALIDADE É QUE OS ABANDONOS ESTÃO AUMENTANDO E O NÚMERO DE PESSOAS QUE AGRIDE E MACHUCAM OS ANIMAIS TAMBÉM! NINGUÉM É OBRIGADO A GOSTAR DE ANIMAIS, MAS NÃO PRECISAM E NÃO DEVEM MALTRATÁ-LOS, ELES SÃO “TUDO DE BOM” E FAZEM PARTE DA NOSSA VIDA EM CONJUNTO COM A NATUREZA. TEMOS QUE PRESERVAR NOSSA CAPACIDADE DE AMAR, COMPARTILHAR E AJUDAR TANTO AS PESSOAS E OS ANIMAIS, AFINAL TODOS PRECISAM DA NOSSA AJUDA!

  2. Como não recebeu denúncia, um animal queimado não configura maus-tratos de acordo com a “Lei”. Parem de fechar os olhos, e façam o seu trabalho, vocês recebem salários dos contribuintes para fazer cumprir a lei, não é um favor. Vergonha para Curitiba, ser mencionada nas redes sociais do mundo inteiro por incompetência.

  3. Fico muito triste quando essas coisas acontece aqui em Curitiba, a gente faz de tudo para salvar, proteger e dar um lar amoroso para um animal abandonado, e vem pessoas sem escrupulos sem coraçao, sem amor, sem piedade e fazem um ato de barbarismo com os animais, meu Deus queimados !!!! ate uma cadelinha prenha ! isso e maudade demais e maldade extrema !!!!!!! quando e que vamos conseguir acabar com isso !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! VERGONHA DE MINHA CIDADE !!!!! Curitiba deveria ser mais humana !

  4. Que a DP e o Delegado da região façam jus às suas incumbências, ora bolas.
    Crime envolvendo animais também é crime. Esse hiato é que não pode haver… Vidas sendo ceifadas e ficam esperando sempre mais um pouco.

    Gente querida e atuante de Curitiba, por favor, ocupem linhas de telefone da Prefeitura, DP local e demais órgãos.

  5. Será que não tem como investigar isto? Curitiba… decepção total. Já foi considerada quase de primeiro mundo. Acho que ainda falta muito. a polícia não vai ajudar?

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>