• Home
  • ONG resgata mais de 100 cães da raça Collie de propriedade no Texas

ONG resgata mais de 100 cães da raça Collie de propriedade no Texas

0 comments

(da Redação)

Foto: HCR / Life with Dogs
Foto: HCR / Life with Dogs

Um grande grupo de cães da raça Collie está começando a levar uma vida melhor após um juiz ter pedido o seu resgate na semana passada. Os voluntários de resgate estão cuidando de muito mais cães que eles esperavam, mas estão conseguindo dar conta do trabalho. As informações são do Life with dogs.

Foram cerca de 100 cães retirados da casa de uma moradora de Tomball, no Texas (EUA), pela ONG Houston Collie Rescue. O grupo de resgate foi avisado de que iria receber cerca de 35 cães, mas encontrou muitos mais no local, e ainda mais cães foram descobertos dentro da casa.

Os voluntários da ONG, acompanhados por advogados, apareceram na casa da optometrista Elaine Kmiec por volta das 14:30 da sexta-feira passada para remover os animais, depois que um juiz concedeu uma ordem do tribunal federal. Os cães foram levados da casa de Kmiec em conexão com um caso de falência.

O juiz federal David Jones assinou uma ordem permitindo à Houston Collie Rescue remover os cães da propriedade. Jones perguntou ao presidente do grupo, Vickey Willard, se a organização seria capaz de receber 35 cães.

Foto: HCR / Life with Dogs
Foto: HCR / Life with Dogs

Kmiec havia testemunhado em tribunal que ela estava na posse de cerca de 35 cães, mas os voluntários de resgate encontraram muito mais, todos mantidos em condições deploráveis​​. Após ter encontrado aproximadamente 65 cães no quintal, foi dito aos resgatadores que não havia cães dentro da residência, mas outros 35 cães, incluindo filhotes, foram encontrados dentro da casa.

“Quando saímos, havia cerca de 90 cães, incluindo duas fêmeas grávidas. Hoje, nós ainda estamos contando”, disse Willard.

“Ela diz que é uma criadora, mas que não vende cães”, explicou a advogada Zandra Anderson, que estava no local da apreensão. “Eles cheiram à distância. Muitos deles estavam cobertos de urina e fezes. Alguns deles tinham nós tão grandes nos pelos, como bolas de beisebol”.

O grupo levou cerca de 8 horas para retirar os cães.

Foto: HCR / Life with Dogs
Foto: HCR / Life with Dogs

“Toda vez que eu tirava alguns para fora da casa, eu voltava e encontrava mais na propriedade”, disse Willard. “E isso continuou. Eu achei que jamais conseguiríamos levar todos”.

Os cães foram encontrados com infecções de ouvido, sarna demodécica, unhas crescidas, e ferimentos devido a pulgas. Eles cheiravam a urina, da qual havia poças na casa.

A Houston Collie Resgate publicou em sua página do Facebook no domingo o comentário: “Voluntários da HCR entraram na casa por volta da 1:00 da madrugada. Eu não posso dizer o quão difícil era o odor no local. Não há palavras suficientes para descrever o que vimos e o cheiro que suportamos”.

A ordem judicial foi baseada no abandono dos cães por Kmiec, afirmando: “mais notório é o fato de que suas ações põem em perigo as vidas de 35 animais que não podem falar ou se proteger. O tribunal não pode tolerar o uso do processo de falência para infligir dano em criaturas indefesas”.

O juiz Jones ordenou que os cães permaneçam sob os cuidados da Houston Collie Rescue até novo aviso.

Kmiec já tivera cães apreendidos anteriormente, em 2006 e 2007.

Foto: HCR / Life with Dogs
Foto: HCR / Life with Dogs

Um post no Facebook da HCR no domingo, dia 30 de agosto, deu a seguinte atualização: “Um grande grupo de voluntários compareceu nesta manhã para ajudar a alimentar e cuidar dos cães. Quando saí depois de 3 horas e meia, tínhamos banhado 40 dos 93 collies. Encontramos mais alguns que precisam de habilitação rápida (com cistos, infecções oculares, etc), mas eu devo dizer que estes são alguns dos cães mais doces que já vi. Apesar de alguns deles não estarem acostumados a estar presos em coleiras, todos eles nos permitiram dar-lhes comprimidos e tratá-los sem confusão”.

No dia seguinte, a ONG postou no Facebook, dizendo: “Nós tivemos um longo e agitado dia. Nós terminamos o banho de todos os cães e começou o processo de identificação, de avaliação das necessidades médicas, colocação de microchips e elaboração de registros. Uma das mães grávidas deu à luz 13 filhotes, por isso o total agora é de 106 cães. Um veterinário voluntário ajudou a parir os filhotes e eles estão bem. Obrigado a todos os voluntários pelo trabalho impressionante, e um agradecimento especial ao Houston Sheltie Sanctuary, que tem uma grande equipe”.

No outro dia, a HCR atualizou o status: “Ontem nós terminamos a identificação e o registro de cada um dos cães. Havia quatro cães ‘tímidos’ escondidos em iglus durante esses dias, então os 93 cães resgatados eram na verdade 97 mais 13 novos filhotes, para um total de 110. Uau! Nesta semana a nossa prioridade é obter plena custódia dos animais através dos meios legais. Doações são necessárias e serão muito bem vindas”.

A Houston Collie Rescue também fez um apelo por mais voluntários, especialmente para ajudar com banhos e outros procedimentos de rotina.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>