• Home
  • Prefeitura pretende implantar Centro de Controle de Zoonoses e construir novo abrigo para animais

Prefeitura pretende implantar Centro de Controle de Zoonoses e construir novo abrigo para animais

1 comments

A Prefeitura de Itabira está discutindo sobre a construção do novo abrigo para animais que são recolhidos no município. Até o momento, a administração do canil está sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU), mas há a possibilidade de ser transferida para a Secretaria Municipal de Saúde (SMS). O Município também pretende implantar o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), que funcionará em um imóvel próximo ao abrigo de animais e também estará vinculado à SMS.

De acordo com o superintendente de Vigilância em Saúde, Roberto Quintão Guerra, foram disponibilizados R$ 600 mil do orçamento da secretaria para criação do CCZ e do novo abrigo de animais, em local ainda não definido. Ele acrescentou que os recursos são provenientes do Município e a SMS está buscando parceria junto ao Estado para complementar a verba necessária.

O novo espaço vai oferecer serviços como castração, vacinação, tratamento dos animais doentes recolhidos e disponibilização para adoção. O CCZ também vai promover trabalhos voltados para o combate de zoonoses (doenças transmitidas entre animais e seres humanos, como raiva, leptospirose e toxoplasmose) e doenças transmitidas por vetores (como dengue, febre amarela, leishmaniose, entre outras).

O secretário de Desenvolvimento Urbano, Jader Túlio Cristiano Magalhães, explicou que a SMDU possui, desde 2008, um projeto para instalação do novo canil no complexo do Aterro Sanitário, próximo à localidade de Borrachudos. Entretanto, caso a responsabilidade do local seja transferida para a SMS, pode haver mudanças quanto ao projeto e uma nova área pode ser escolhida para atender às necessidades do CCZ.

Enquanto o projeto do novo imóvel estiver em discussão, o abrigo de animais na localidade de Córrego do Meio passa por algumas adequações. Segundo o superintendente de Serviços Urbanos, Carlos Alexandre Ribeiro, o curral do Conselho e o canil municipal foram fechados com muros em alvenaria. Ele explicou que a medida vai proporcionar maior segurança para os funcionários do local e evitar o roubo de animais que são apreendidos na cidade.

Carlos Ribeiro disse ainda que haverá ampliação do canil para recebimento dos animais. “Serão acrescentadas cinco baias, com 10m² cada. Com isso, a capacidade do canil aumentará de 15 para 100 animais. Essa será uma medida paliativa, até que o CCZ seja construído”, comentou.

Para a construção do muro e ampliação do número de baias, a Prefeitura está investindo R$ 152.565,60. Estima-se que as modificações sejam concluídas em dois meses. Posteriormente, o Município vai reiniciar o recolhimento dos animais abandonados.

Fonte: De Fato

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. TOMARA QUE CONSTRUAM UM CCZ ONDE CUIDEM BEM DOS ANIMAIS, NÃO COMO EM ALGUNS OUTROS QUE OS POBRES ANIMAIS MORREM DE SEDE E DE FOME…SEM FALAR NAS MORTES INDUZIDAS DE ANIMAIS SADIOS! MUITO TRISTE E VERGONHOSO!

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>