• Home
  • Pássaros silvestres apreendidos em feira livre de Natal (RN) são devolvidos à natureza

Pássaros silvestres apreendidos em feira livre de Natal (RN) são devolvidos à natureza

0 comments

Foto: Rayssa Silva/Semurb
Foto: Rayssa Silva/Semurb

Dezesseis pássaros silvestres foram devolvidos à natureza na manhã de sexta-feira (8). Os animais apreendidos durante uma fiscalização ocorrida na quinta (7), na feira do Panatis, Zona Norte de Natal, agora estão livres novamente, graças a uma ação da secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb), em parceria com a de Serviços Urbanos (Semsur), Guarda Municipal e Delegacia de Meio Ambiente (Deprema).

Os pássaros foram libertados na Zona de Proteção Ambiental de Lagoinha (ZPA-5), em Ponta Negra, na Zona Sul. Segundo o supervisor de Ambientes Naturais e Biodiversidade da Semurb, Gustavo Szilagyi, o local escolhido – uma área de dunas e lagoas, bioma de Mata Atlântica com vegetação típica de restinga, é considerada Área de Proteção Ambiental Permanente pelo Código Florestal – é ideal para o desenvolvimento dessas aves, que terão fácil acesso a água e alimento.

Ainda de acordo com Szilagyi, depois de serem apreendidas as aves foram levadas para o Parque da Cidade onde passaram por uma triagem. No total, a fiscalização recolheu 19 pássaros de diferentes espécies, entre eles dois galos de campina, cinco azulões, seis sibites, dois golinhas, um concriz e três sanhaços cinzentos. Ele explica que três azulões sofreram muitos maus-tratos e precisam ser recuperados para, só então, voltarem ao seu habitat.

A apreensão e soltura das aves faz parte de uma operação conjunta entre os órgãos, que começou desde o início deste ano. Entre as espécies mais apreendidas pela fiscalização estão o galo de campina (150), papa capim (40), azulão (33), sibite (23) e golinha (20). Após a realização das fiscalizações houve uma diminuição considerável no comércio de animais silvestres em feiras livres. “Essa é uma operação que se iniciou a partir de uma provocação do Ministério Público para que as feiras fossem fiscalizadas e o combate aos maus-tratos e ao tráfico de animais fosse feito”, comenta o supervisor.

Gustavo Szilagyi conta que até hoje, 289 pássaros já foram apreendidos e devolvidos à natureza em dez ações de fiscalização e soltura. A maior apreensão foi na feira do Parque dos Coqueiros, na Zona Norte, no dia 11 de julho, com 75 pássaros recolhidos. Em seguida esta a feira do Alecrim, na Zona Leste, com 42 aves apreendidas, no dia 22 de fevereiro. E por fim a feira do Carrasco, em Dix-sept Rosado, também na Zona Leste,no dia 9 de julho com 41 pássaros apreendidos pelos fiscais.

Fonte: Portal No Ar

 

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>