• Home
  • Achei um cachorro, e agora?

Achei um cachorro, e agora?

1 comments

Júlia Losina
julialosina@gmail.com

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Antes de tudo, é preciso ficar bem claro que um cachorro é uma vida. Ele sente frio, sente fome e sede, sente medo.

Ao encontrar um cão abandonado, você tem três opções:
– Adotá-lo;
– Pegá-lo para que alguém adote;
– Ignorá-lo.

Muitas pessoas passam por um animal na rua, tiram uma foto e procuram alguém pra resgatar. Que fique bem claro: ninguém vai resgatar. Todos os canis já estão lotados. Quem já está acostumado a ajudar, está com a lotação cheia. E quem trabalha com proteção é uma pessoa normal. Logo, você também pode fazer isso!
Optou por pegar o animal? Ótimo!

Se for um cão adulto
Adultos são animais que já trocaram a dentição, ou seja, entre 5 e 6 meses. Eles devem ser encaminhados para uma consulta veterinária, para ter sua saúde avaliada. Se estiver tudo ok, o animal precisa tomar uma dose das vacinas (muitas clínicas fazem essas vacinas à baixo custo para animais resgatados, então vale dar uma pesquisada!). O animal também deverá ser necessariamente castrado, ou, no mínimo, ter sua castração combinada com o adotante.

Por que castrar?
Em primeiro lugar, evita crias indesejadas. Evita comportamentos ruins, como o choro das fêmeas e possíveis fugas de machos. Evita doenças (tumores de mama e próstata, piometra, tumores venéreos transmissíveis). Além do mais, você não conhece a família do animal. Ele pode carregar diversas doenças genéticas. Você pode doar esses filhotes e eles serem abandonados, não castrados, para se reproduzir ainda mais na rua. Ou seja, não castrando um, você cria diversos outros. Existem pessoas que falam que a fêmea precisa ter o primeiro cio antes de castrar. Na verdade, castrando antes de o primeiro cio diminui as chances da cadela de desenvolver tumores mamários no futuro. Ou seja, não acredite em tudo que ouça, sempre fale com seu veterinário antes!

Clínicas como a Canni e Gatti, Pet Móvel, Pet Point Shop e Gatos e Amigos fazem castração à baixo custo.
Um cão já vacinado e castrado está pronto para a adoção! Você pode divulgá-los em sites como o Bicho de Rua, Bicharada do ClicRbs , Duas Mãos Quatro Patas, Mural dos Bichos e muitos outros! É só pesquisar.

Se for um filhote
Filhotes são levemente mais complicados. É preciso levá-los para um veterinário para uma estimativa mais precisa da idade que atitudes tomar. Fora isso, filhotes precisam tomar três doses de vacinas, dadas junto com a última dose da polivalente. Eles não podem ser castrados até terem cerca de 6 meses (o macho pode ser castrado depois que os testículos descerem), ou seja, a castração precisa ser combinada com seu adotante.

Filhotes devem ser doados com pelo menos a primeira dose da vacina polivalente! Não esqueça de explicar pro adotante quantas doses ele já tomou, a data da próxima vacina e de entregar a carteirinha de vacinação! Eles podem ser divulgados para adoção nas mesmas páginas acima.

Lembre-se sempre que um protetor é uma pessoa comum que tomou atitude. Não são deuses, não ganham qualquer tipo de auxílio, usam o dinheiro do próprio bolso para ajudar um animal. ONGs e projetos já estão saturados, e também não possuem nenhum tipo de auxílio, sendo todo o trabalho voluntário.

Por fim, parabéns pela iniciativa de ajudar um animal abandonado! Espero ter ajudado um pouco.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Ajudou muito. Continue nos esclarecendo. Há muitos animais que são hostilizados, massacrados, abusados pelo homem. Encontrei um cãozinho abandonada na fazenda em Minas Gerais e choramos juntos…Através do seu olhar consegui ver o estado de seu quadril…Cheio de bernes…ferido. O veterinário precisou de trata-lo por etapas… Hoje ele está lindo e é um bom amigo do meu pai.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>