• Home
  • O que você promete aos animais?

O que você promete aos animais?

0 comments

110813 promete02

Diz você a palavra amor como acessório indissociável a toda referência que faz ‘aos animais’? Algo difuso, para alguns escolhidos sortudos. Mesmo que ignore, ou faça vista grossa de fiscal corrupto à concussão e pressão contidos naquele café com leite, inocente, e na fatia de queijo que bem lembra a infância? Repete, você, ‘compaixão’ a animais não-humanos distantes do ponto em que a vista alcança, tal como golfinhos, baleias, focas e ursos na China? Mesmo que não se permita abrir mão do sapato de couro, resíduo do esfolamento final de um cadáver que, em sua vida de expectativas, apenas engordou à força, a ferro & fogo? É ‘paixão’ o termo que melhor descreve as imagens idealizadas que compartilha na Internet, mostrando cãezinhos fofos, patinhos idem, porquinhos cor-de-rosa dormindo? Mas, à la Dr. Jeckyll / Mr. Hyde, não se furte a perder, no minuto seguinte, a promoção de grelhados em compra coletiva?

Acumula patologicamente cães e gatos embaixo de sua asa, dentro da lógica de que um campo de concetração é melhor que as ruas, e para tal empenha sua vida, sua saúde e seu crédito bancário? Argamassa é o que preenche seu vazio sentimental cada vez que seus asilados vibram na hora da ração?

Ou é você um herói da nova era, antenado e consciente, que toca o tambor do ovolactovegetarianismo o mais alto que consegue, ecoando um som que já aumenta e incomoda? Mas, em uma impotência de objetivos, falha ao romper o hímen dos ingredientes culinários ‘obrigatórios’ – leite, ovo, queijo, manteiga? Ideologiza, ainda, essa permanência com um pé em cada lado da fronteira, minimizando o terror vivo da produção leiteira e de poedeiras? Segue prometendo a si e aos animais, por remorso, uma vida de ‘galinha feliz’, ‘vaca feliz’, já que é escravo das próprias papilas gustativas sádicas, indiferentes, egóicas e ‘umbigo do mundo’? Acredita, então, na Vovó Donalda?

Alivia a culpa assinando tsunamis de petições virtuais que, via de regra, se perderão no mesmo ralo eletrônico?

Ou lê os autores recomendáveis, apropria-se dos jargões abolicionistas, informa-se, discute com colegas e com desconhecidos nas redes sociais, idolatra a ALF, mas a portas fechadas, sem ninguém olhando, defeca sobre o auto-propalado veganismo? Trai os animais, ao fazer questão de comrpar este ou aquele produto industrializado, tapando o rótulo com uma peneira? Caga e anda para testes, e ainda acha que os demais não verão que esqueceu de puxar a descarga? Não resiste e come guloseimas que trazem ‘um ovinho’, ‘um pouquinho só’ de leite, cochonilha, traços? Esforça-se por ignorar, em restaurantes, que naquele prato estão itens que você publicamente combate, mas intimamente consome, espelhado nas pequenas hipocrisias que todos, afinal, carregam em si?

Relativiza certas situações, para condenar a pecuária industrial mas não quem ‘tem um porquinho no quintal’, concorda com ‘A Carne É Fraca’ mas sustenta que no sítio do próprio tio é diferente, e crê que liberdade é sinônimo de usar um animal tratando-o bem? Engole muitas arapucas do consumo por medo de perder a convivênia social? Tolera no parceiro carnista tudo o que diz condenar nas demais pessoas, com medo da solidão? Tem medo de parecer idiota? Vê no espelho um tirano, um populista, um bipolar ou um anti-especista de ocasião?

Afinal, o que promete aos animais? E o quanto você se compromete?

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Caro Marcio de Almeida Bueno, ler suas crônicas me faz tão bem! Parece que não estou sozinha gritando no vazio de um vácuo…
    Quantas perguntas assim não me fiz e faço, mas sempre analisando meus passos e usando meus esforços para não sentir-me “um ET lutando por utopias” (como muitos fazem questão de dizer).
    Parabéns pela crônica que sacode e nos faz refletir, reforçando o melhor que podemos fazer aos animais.
    Pa-ra-béns! De verdade.
    abração.

    1. paula regina, não estamos sozinhos… e não somos poucos, só estamos ESPALHADOS, como bem diz um cartum que circula pela internet. grato pelas palavras, um abraço!

    2. meu abraço especial ao povo que ME AMA TANTO a ponto de se preocupar em visitar cada texto meu aqui na ANDA só para dar ‘polegarzinho pra baico’ em cada comentário elogioso. esse da paula regina, entao, ganhou 6 polegarezinhos. arrumem uma vida melhor.

      you know who you are, baby!

      1. Marcio, estou aqui às gargalhadas com sua colocação exata!
        Ninguém aqui, os comentaristas, sente-se tolhido por cada polegar pra baixo; pelo contrário, nos fortalece ainda mais por termos ciência que atingimos nosso ideal no cerne.
        Te dou um doce se voce “adivinhar” de quem são os tais ‘polegarzinhos pra baixo’ rsrsrs ;o}
        Grande abraço.

  2. ME COMPROMETO COM AQUILO Q POSSO,PROMETO SOMENTE AQUILO Q POSSO CUMPRIR…E ASSUMO,PROTEJO CAES E GATOS SIM,QUEM ME CONHECE SABE BEM DISSO,MAS INFELIZMENTE EU AINDA NAO CONSEGUI ABOLIR A CARNE E DERIVADOS ANIMAIS TOTALMENTE DA MINHA DIETA.MELHOR FALAR A VERDADE DO Q DIZER AQUI Q NAO COMO ESTAS COISAS,E POR TRAS ME ENTUPIR DE TUDO ISSO…NEM POR ISSO,DEIXO DE SER UMA PROTETORA,AFINAL,NINGUEM TEM Q SER PERFEITO,SOMOS TODOS HUMANOS,FALHAMOS SIM,E QUEM DIZ Q PORQ NAO CONSOME CARNE E PERFEITO,E MELHOR Q OS OUTROS,E Q ESTA MUITO EQUIVOCADO…E ESTA PREPOTENCIA Q EU NAO APROVO NAS PESSOAS Q NAO CONSOMEM CARNE…SE ACHAM ACIMA DO BEM E DO MAL,MELHORES DO Q OS OUTROS,E ISTO E UM GRANDE ENGANO,POIS QUANDO MORRERMOS,VAMOS TODOS PRA BAIXO DA TERRA,PERANTE DEUS,SOMOS TODOS IGUAIS,TODOS SEUS FILHOS…NAO Q SEJA CERTO DISPORMOS DAS VIDAS DOS ANIMAIS,NAO E ISSO,SO O Q EU NAO CONCORDO,E COM ESTA ARROGANCIA,ESTA PREPOTENCIA Q VEM DOS VEGANOS,PREGAM TANTO A IGUALDADE,E DISCRIMINAM A SUA PROPRIA ESPECIE…QUEREM ME CRITICAR,ME OFENDER,NEM LIGO,ESTA E A MINHA OPINIAO,E NO DIA EM Q EU CONSEGUIR ABOLIR TOTALMENTE A CARNE DA MINHA ALIMENTAÇAO,VOU CONTINUAR PENSANDO DA MESMA MANEIRA…E CREIO Q NAO FALTA MUITO PARA ISTO,JA Q CONSIGO FICAR QUASE UM MES SEM CARNE JA…

    1. jamile, marx já dizia “a cada um conforme suas necessidades, de cada um conforme suas possibilidades”. entendo o que você diz sobre arrogancia dos veganos, mas tente ver isso como um sentimento de urgencia frente à agressão diária aos animais, patrocinada por tantos. grato pela leitura, um abraço!

  3. ESTOU CIENTE DOS ABUSOS SOFRIDOS PELOS ANIMAIS,PARA ALIMENTar as pessoas,mas,eu so acho,q não e apenas o q se come q faz de um ser humano melhor ou pior do q ninguém,isto e um grande equivoco.e não e sendo arrogantes com os demais,q vao conseguir serem ouvidos,muito pelo contrario,so vao criar mais discórdia e preconceito.e q eu me lembre,sao os próprios veganos q pregam tanto a igualdade entre as espécies,e são eles mesmos q discriminam a própria espécie,apenas pela diferença de alimentação.e isto e equivocado,pois pregam uma coisa,e fazem exatamente o contrario,ou eu to errada?eu mesma já sofri muitas criticas por ter a minha opinião sobre este assunto,opiniao esta q não agrada muita gente.mas ao menos e autentica,nao mudo pARA AGRADAR NINGUEM,FAÇO O Q EU ACHO Q E CERTO,E NAO DESPREZO NINGUEM POR ISSO.PRA MIM,OS SERES HUMANOS TEM TODOS O SEU VALOR,INDEPENDENTE DE CREDO,RAÇA,COR,OPÇAO SEXUAL,CLARO Q O IDEAL SERIA SE NINGUEM MAIS COMESSE CARNE E SEUS DERIVADOS,MAS TAMBEM TEMOS Q APRENDER AO MENOS A RESPEITAR AS NOSSAS DIVERGENCIAS DE OPINIOES COM OS OUTROS.APRENDER A SER HUMILDES TAMBEM FAZ PARTE DE UM SER HUMANO MELHOR,NAO APENAS DEIXAR DE COMER CARNE E DERIVADOS.

  4. Jamile,

    A atitude mais arrogante que alguém pode ter é achar que a vida dos outros serve para benefício próprio. Pare de pensar na atitude de veganos agressivos e passe a pensar na sua atitude. Se você acha que ninguém é melhor que ninguém, então você também deve achar que você também não é melhor do que ninguém (inclusive os animais).

    Por questão de coerência, você deveria se tornar vegana!

  5. eu não me acho melhor q ninguém mesmo,inclusive ate acho q os animais são muito melhores q muitos de nos,inclusive melhores q eu,eu estou batalhando para parar totalmente com a carne,so q ainda não consegui,o q não muda o meu modo de pensar sobre este assunto,mesmo no dia em q eu não comer mais carne,nao vou discriminar ninguém,e isto apenas o q estou tentando dizer,nao estou apoiando o consumo de carne,nem a exploração animal,somente não concordo com a discriminação vinda de muitos veganos,em relação as pessoas q ainda comem carne.

    1. Não vejo discriminação, mas sim defesa enfática daquilo em que se acredita. Igual postura, contudo, não vemos dos que comem carne, pois poucos são os que defendem o hábito alimentar que têm, expondo os reais motivos e benefícios que o consumo desse “alimento” lhes traz.

        1. Paula, sim, a opinião é minha e é a mesma nos dois posts, pois é isso que penso quanto aos comentários feitos. Qual o motivo de seu estranhamento?

          1. Suzana, creio eu que voce não entendeu o que escrevi. Eu estou de acordo contigo, penso como voce e corroboro, reitero, assino embaixo, estou de comum acordo com seu pensamento que * não há discriminação por parte dos veganos e vegetarianos.
            Meu estranhamento não foi com seu comentário, muito menos com voce; foi que li, em 2 posts diferentes, 2 comentários alegando que veganos e vegetarianos discriminam carnistas.
            Melhor explicado agora?

  6. e q para os vegetarianos,ou veganos já se tornou uma coisa normal a discriminação contra quem ainda consome carne,por isso,o fazem meio q no automático,sem nem perceber…ou pior,fazem de conta q não discriminam os outros…eu como já disse antes,estou batalhando para deixar totalmente de comer carne,ja reduzi bastante,mas ainda não consegui abolir totalmente,e mesmo assim,sou discriminada,mas,nao to nem ai,sei muito bem do meu valor,independentemente do q eu como ou não…quem me conhece sabe do meu trabalho como protetora,ja salvei muitas vidas…eu não discrimino ninguém,ate admiro muito quem já conseguiu abolir totalmente a carne,e respeito quem ainda acha q tem q comer isto todos os dias…posso não concordar,mas respeito…e também não acho quem e vegano melhor do q quem ainda come carne…ou seja,eu não discrimino ninguém…afinal,ter humildade também faz parte de um ser humano melhor,nao apenas abolir a carne e derivados…

  7. Caro Marcio, ler sua crônica me fez pensar na minha caminhada rumo ao veganismo. Parece que são etapas que a gente vai vivendo, degraus que são vencidos à medida que o véu cai e a gente começa a enxergar.
    Também comecei amando minhas cachorras e “selecionando” o que não comer: carneiros (amo!), porquinhos, caças em geral, depois carne vermelha e enfim os animais do mar (pensava que eles eram menos evoluídos e não sentiriam dor!). Não era uma postura demagógica, não. Era ignorância, acomodação a hábitos e antigos paradigmas…
    De repente uma frase de Paulo Bastos, um ativista vegano que se tornou meu mestre nos meus primeiros tempos de caminhada, me derrubou: “Tudo que é vivo quer viver, e os animais existem por eles mesmos e não para servir ao homem”.
    PRONTO. Ali estava uma mulher com um amor novo na alma. Com uma cabeça totalmente mudada. Dali para entender o sofrimento das galinhas e do gado leiteiro e aderir ao veganismo foi um pulo! Por isso valorizo todas as etapas pelas quais as pessoas passam. Porque é um caminho sem volta.
    Também sou considerada um ET pela família e amigos. Desperto pena e preocupação nas pessoas que me amam(!). Mas sigo tranquila.

  8. este sim e um comentário inteligente,e ao mesmo tempo humilde…a pessoa e vegana,e mesmo assim não discrimina ninguém,como deve ser…parabéns Maria Celia Almeida,vc sim tem um pensamento evoluído…

    1. para quem pede humildade aos veganos vc nao eh e nao faz. nao existe discrinaçao existe posiçao de opiniao e vc nao aceita que na anda a maioria nao aceite cuidar e proteger animais e continuar comendo carnes. vc age com preconceito quando acusa veganos de discriminar carnistas e ter pensamento involuido.

  9. não e questão de eu aceitar ou não,so o q eu digo,e q,quem e vegano,se acha melhor do q quem não e.e possível sim,cuidar de animais,e ainda sim comer carne.eu como já disse,estou reduzindo a carne da minha dieta,mas não consegui abolir totalmente.e isso não me impede de continuar o meu trabalho como protetora de animais.e nem me faz pior do q quem não come carne.e eu nunca disse q os veganos não são evoluídos,apenas,nao concordo com o modo de pensar discriminatório de alguns deles.vc deixaria de ser amigo de alguém,se vc fosse vegano e a pessoa não?vc terminaria um casamento,se o seu parceiro não fosse vegano?e deste tipo de coisa q eu estou falando.o fato de os veganos não aceitarem quem ainda come carne.entendeu agora minha cara elena?

    1. acho que se vc mesma nao considerasse algo MELHOR, não estaria se preocupando em tambem se tornar vegana. perceba que a maioria das pessoas considera irrelevante ou até prejudicial, e entao seguem comendo carne, ovo, leite etc. acho que essa avaliação teria que vir dos animais, alvo de tudo isso, se torna alguém melhor PARA ELES.

  10. e justamente isto,estou tentando e batalhando muito para abolir a carne da minha dieta…já aboli a carne vermelha.so o q eu não concordo,com vcs q já são veganos,e o seu modo de falar como se fossem melhores ou superiores das pessoas q ainda comem carne,e so com isto q não concordo…de resto,nao tenho nada contra…afinal,o ser humano,e muito mais do q apenas o q come…

    1. DIETA, em grego, é ‘modo de vida’. a coisa é muito mais que uma opção culinária/grastronômica.

      eu, anti-racismo, sou melhor que os racistas. eu, pro-feminismo, sou melhor que os machistas. eu, pro-direitos huamnos, sou melhor que os ‘olho por olho’. eu que nao fumo sou melhor que os fumantes. eu que nao tomo leite sou melhor que os exploradores de vaca. etc.

    1. …imagino que voce esteja falando do deus cristão, correto? nesse caso, se voce leu a biblia, e nao somente as citaçoes bonitas, verá que justamente impera o machismo, especismo, etc. entao, se eu nao tenho esses preconceitos, tenho grandes chances de me sentir melhor, sim.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>