• Home
  • Cidade canadense aprova lei de tutela responsável e de proibição de animais em circos

Cidade canadense aprova lei de tutela responsável e de proibição de animais em circos

0 comments

Por Patricia Tai (da Redação)

Gatos terão que ser registrados e licenciados por seus tutores, circos itinerantes não poderão explorar animais selvagens, e as rinhas de animais continuarão a ser proibidas, de acordo com uma nova lei em Winnipeg, no Canadá.

A lei foi aprovada por um Conselho na quarta-feira e passará a vigorar no começo de 2015. As informações são do Montreal Gazette.

No que diz respeito à tutela responsável, tutores de gatos terão que pagar 15 dólares de licença para cada felino castrado, e 50 dólares para os que ainda não estiverem castrados.

A falta da licença poderá implicar em multa de 250 dólares.

A lei também proíbe, entre outras coisas, a exploração de animais por circos e shows itinerantes.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Bill McDonald, da Humane Society de Winnipeg, disse que o confinamento de animais selvagens como leões e tigres em circos “simplesmente não pode continuar, pois coloca os animais em situações de imenso stress”.

Alguns desses circos ameaçaram processar a prefeitura pela adoção das novas medidas e, segundo a reportagem, o prefeito Sam Katz disse que “eles podem ficar à vontade para fazê-lo”.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Oxalá lermos que essa prática adotada em Winnipeg esta se espalhando pelo planeta.
    Parabéns as cidadãos canadenses pela medida e pela sociedade da cidade em questão.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>