• Home
  • Moradores de Umuarama (PR) estão revoltados com matança de animais domésticos

Moradores de Umuarama (PR) estão revoltados com matança de animais domésticos

0 comments

Moradores do conjunto Patrimônio Umuarama, que fica na cidade de Umuarama (PR), próximo ao Jardim Sol Nascente, estão revoltados com a matança de animais domésticos no bairro. O principal alvo dos assassinos são os gatos, mas cachorros também foram mortos e segundo entrevistados a maioria por veneno. Além das mortes, outra denuncia é o abandono de filhotes nas ruas ou na frente das residências de algumas pessoas.

A crueldade de alguns moradores residentes nas quadras da rua Colibri é tanta que atearam fogo em um gato a poucos dias e domingo (14) o número de mortos por envenenamento aumentou para 20, contou o professor Claudemir Miiller. Indignado pelo envenenamento de mais um gato, dos sete que tinha, o professor contou que com esse foi o terceiro animal em apenas um ano. “A dois meses envenenaram um gato nosso e domingo encontramos mais um morto” informou.

Miiller conta que as mortes começaram há três anos e não vê um motivo para tamanha crueldade, uma vez que seus animais domésticos são castrados. O umuaramense optou pela castração para evitar problemas com o surgimento de mais filhotes e transtornos a comunidade. “É uma crueldade sem tamanho. Não só com os nosso, mas com os demais que foram assassinados”, ressaltou.

O educador sabe que é difícil identificar o autor dos crimes, mas ressalto que vai usar de artifícios tecnológicos para conseguir flagrar algum ato que posso incriminar os responsáveis pelas mortes. Ele também pede ajuda do poder público para tentar conscientizar os moradores da região. “Pedimos para a Vigilância Sanitária ou outro órgão do município para talvez ministrar palestras para conscientizar essas pessoas, pois apenas a palavra dos moradores prejudicados não tem peso”, disse.

Filhotes abandonados

Claudemir Miiller também contou a reportagem que pessoas estão deixando caixas com filhotes de gatos e cachorros próximos a sua casa, como em outras residências no bairro. O professor ressaltou que alguns dos seus animais mortos foram adotados, pois estavam jogados na rua.

“Soltam os animais nas ruas ou abandonam os filhos na frente de casa, não tem como não pegar. Porém depois que estão bem cuidados alguma pessoa muito cruel vai e mata” noticiou indignado.

Matar é crime

A Lei Federal de Crimes Ambientais 9.605/98, em seu artigo 32 condena todo aquele que praticar ato de abuso e maus-tratos à animais domésticos ou domesticados, silvestres, nativos ou exóticos. A pena é a detenção de três meses a um ano, sendo aumentada de um sexto a um terço se ocorre morte do animal. Além da prisão o acusado deve pagar multa.

Fonte: Umuarama Ilustrado

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>