• Home
  • Toronto bane a venda de cães e gatos em pet shops

Toronto bane a venda de cães e gatos em pet shops

0 comments

Por Amary Nicolau (da Redação)

Foto: Timo Jaakonaho/ The Canadian Press
Foto: Timo Jaakonaho/ The Canadian Press

O Conselho Municipal de Toronto, no Canadá, votou pelo fim da venda de cães e gatos nos pet shops da cidade na última quarta-feira, tornando-se a segunda cidade do país a fazê-lo. As informações são do jornal canadense CityNews Toronto.

“Você não poderá mais comprar cães em uma loja de animais”, disse o vereador Glenn De Baeremaeker.

Glen apresentou a proposta pelo fim das vendas de cães e gatos em pet shop em maio, argumentando que muitos dos animais à venda nessas lojas são provenientes de fábricas de filhotes.

“A crueldade animal tem que parar”, acrescentou Glen.

No início deste ano, o conselho votou para restringir a venda de cães e gatos em pet shops desde que provenientes de abrigos, CCZ  e criadores certificados.

Atualmente, nenhum cão ou gato poderá ser vendido em pet shop, não importando a procedência

Toronto se torna a segunda cidade canadense à restringir a venda de animais em pet shops. A cidade de Richmond, da província de Brithish Columbia, passou a proibir a venda de cães e gatos em pet shops desde 2010.

Um pet shop já havia adotado anteriormente essa política de conduta.

“Optamos por não vender gatos ou cães”, disse o gerente da Menagerie Pet Shop, Kaelo Gallagher.

“Nós não acreditamos que uma loja de animal de estimação é um ambiente saudável para cachorros e gatos. Eles precisam de espaço e de exercício. Nós sabemos que muitos dos cães que entram em lojas de animais vêm de fábricas de filhotes,” acrescenta Kaelo.

O conselho ainda definiu que as lojas podem ceder espaço para abrigar animais resgatados e promover a adoção de animais.

Os opositores da lei municipal dizem que, se os clientes não podem conseguir o que querem em uma pet shop de Toronto, eles irão a procura de cães e gatos em lojas de outras cidades.

Nota da Redação: “Fábricas de filhotes” são lugares destinados à reprodução para o comércio de animais em massa, estando o lucro em um patamar mais elevado que o bem-estar do animal. Os animais procriadores vivem em terríveis condições. Geralmente passam a vida em gaiolas pequenas e sujas, sem o contato com pessoas. Passam fome, não recebem atendimento veterinário e são vistos como coisas, vivendo em situação deplorável. As fêmeas procriam a cada cio e quando não conseguem mais atender a demanda são descartadas como lixo, e outro animal é colocado em seu lugar. A venda de animais por si só, seja ela em pet shops ou canis/ gatis, transforma animais em mercadoria,  em objeto negociável. Não apenas cães e gatos, mas quaisquer animal merece ser tratado como um ser senciente, e não como fonte de lucro.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Por aqui também deveriam fazer isso. Tem de parar essa “fabricação” de animais. Não tem tanto comprador/adotante pra tanto bicho!!! E vamos esterilizar todos!!! Os que vivem às custas dos animais têm de arrumar outra profissão. Vão trabalhar!!!

  2. Qualquer um que tenha apreço pelo seu animal de estimação deveria ter apreço por todos os animais. A comercialização de cães (assim como de qualquer animal) deveria ser banida; um capricho que privilegia poucos cães enquanto causa o sofrimento de uma quantidade enorme de outros que continuam abandonados ou são tratados como coisas. Se você realmente gosta de cachorro, jamais compre um. Adote!

    1. eu acho que todos animais meresem o lar si a terra nao tivese bicho nao seria fasiu pra ninguem poresenpro a vaca si nao tivesemos vacas nao teriamos o leite nao teriamos a carne i nao dava pra zer queijo vitamina mingal i muitas ontras coisas ios cachorros egatos sem eles o mundo ficaria sem grasa todos os tipos de animais sao inportantes quen e contra poin que nao gosta quen gosta poin que gosta

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>