• Home
  • Defensores dos direitos dos animais iniciam conversações sobre a importância do fim dos rodeios

Defensores dos direitos dos animais iniciam conversações sobre a importância do fim dos rodeios

5 comments

Jerry Lewis-Dias-da-Silva
jerrylewis@ibest.com.br

Presidente do Sindicato Rural de Jataí, Ricardo Peres, e Jerry Lewis, durante conversa sobre direitos dos animais (Foto: Divulgação)

Na manhã da sexta-feira passada. dia 23, o ativista dos direitos dos animais, Jerry Lewis, que na oportunidade estava representado um grupo de cerca de 30 pessoas defensoras de animais, se reuniu com o presidente do Sindicato Rural de Jataí, entidade responsável pela prática de rodeios na cidade há vários anos.

Na oportunidade, Jerry expôs a preocupação dele e de seu grupo com relação à esta atividade, e que atualmente os rodeios não encontram lugar numa sociedade cada vez mais moderna, pois  é um espetáculo de grosseria e maus-tratos gratuitos cometidos aos animais meramente por motivos de sadismo e  financeiros. Lewis relatou ao presidente as milhares de assinaturas que o grupo já possui e  que logo chegarão à marca de 10 (dez) mil assinantes numa petição pública que solicita o fim desses atos em Jataí. Documento esse que será encaminhado à Câmara Municipal, ao Poder Executivo local e ao Ministério Público.

Por sua vez, Ricardo Peres, representado o Sindicato Rural, alegou que os animais são bem tratados, inclusive a sua entidade até já recebeu troféus devido ao cuidado com os animais não apenas dos rodeios, mas os que participam das exposições agropecuárias. No entanto, Peres não descartou negociações e conversas nesse sentido e que vai se reunir com o restante da Diretoria do Sindicato Rural para amadurecer o assunto. Jerry salientou que protestos, manifestações contrárias aos rodeios, e principalmente campanhas de conscientização educativas sobre o assunto terão vez na cidade no decorrer do ano, mas que o grupo também busca um diálogo respeitoso e profícuo com a entidade, inclusive, já acertando a participação do Sindicato Rural nas próximas reuniões dos defensores dos animais, objetivando o amadurecimento e sensibilização desse Sindicato quanto ao assunto, uma vez que sistematicamente, a cada mês pelo menos três cidades no país proíbem a prática de rodeios e Jataí não pode empurrar esse assunto para o futuro.

Presidente da Camara Municipal de Jataí GO, Geovaci Peres e Jerry Lewis: ações em prol dos animais (Foto: Divulgação)

Câmara Municipal

Ainda na manhã do mesmo dia, Jerry Lewis participou de audiência com o Presidente da Câmara Municipal de Jataí, Geovaci Peres, onde foi tratado o mesmo assunto. Geovaci, que foi o autor do projeto de lei que criou o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos dos animais, afirmou que vai se empenhar nesta causa, pois isso tem trazido um atraso grande ao município, no que se refere à forma humanitária do trato aos animais. Geovaci, também relatou que todas as entidades de classe organizada da cidade que foram citadas, já enviaram nomes que irão participar do Conselho de Defesa dos Animais, e que em breve tal órgão fiscalizador já terá sua homologação e a posse de seus membros, que exercerão um importante papel no sentido de averiguar e encaminhar denuncias referentes aos maus-tratos aos animais, inclusive umas das missões do Conselho será a elaboração de amplo material em desfavor da prática de rodeios no município de Jataí.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. isso e um bando de gente besta que não tem o que fazer e que ganhar dinheiro com isso larga de ser besta tau defensores isso traz dinheiro pro governo e não são vcs que vão acabar com isso não casa algo de melhor pra fazer e toma vergonha nessas caras de otários

  2. Que essa covarde e medieval atrocidade dos rodeios seja banida de todo o Brasil! Tortura com os animais não é esporte, nem cultura, nem tradição, é crime de maus tratos: Lei Federal 9.605/98, Artigo 32, péssimo exemplo de viôlência para nossas crianças e sociedade e atraso perante ao mundo civilizado do século XXI! “A grandeza de uma nação e seu progresso moral podem ser julgados pela maneira como seus animais são tratados”. (Ghandi).

  3. Aqui na minha cidade, Caçapava/SP, conseguimos uma liminar em uma Ação Civil Pública proibindo os apetrechos que causam dor e sofrimento nos animais de rodeio. Ano passado o rodeio aconteceu, mas fomos lá fiscalizar, resumindo…os animais passeavam pela arena, e foi um fiasco, este ano acredito que não aconteça mais…os animais agradecem!!!

    1. É isso Márcia! Você(s) poderia(m) divulgar essa informação para que essa farsa seja desmascarada de vez. Bem tratados?!? Sedém, esporas, barulho ensurdecedor, choques, pancadas, laços, tormentos de toda ordem e eles dizem que os animais são bem tratados… Exitem outras maneiras mais limpas de se ganhar $$$, põe os caipiras lá pra cantar, bebam, dancem, façam o que quiserem, mas deixem em paz os animais!

  4. É sempre a mesma lenga lenga, esses organizadores malditos desse dito evento ridículo, falam que os animais são bem tratados,(comédia) só se for para dar risada, só de sairem do seu habitat natural já sofrem de um grande estresse, fora todo o barulho, holofots e assim por diante, essa gentalha que se envolve e gosta desse tipo de coisa já se denuncia e quer explicar o inexplicável. Arrumem algo verdadeiramente produtivo e cultural para se dedicarem deixem os animais viverem longe de vocês.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>